Sexo

8 curiosidades sobre masturbação que todo mundo deveria saber

8 curiosidades sobre masturbação que todo mundo deveria saber

Maio é o Mês Internacional da Masturbação. A data é celebrada nos Estados Unidos desde 1995, para incentivar os debates sobre o assunto e quebrar alguns tabus.

+ Sexo faz bem para a pele, sustentam especialistas

Esta semana, o The Guardian listou 8 curiosidades sobre a masturbação que todo mundo deveria saber. Reproduzimos elas a seguir:

Uma em cada sete mulheres nunca se masturbou

Um estudo sueco publicado no início do mês revelou que 15% das mulheres entrevistadas nunca se masturbaram, contra apenas 1% dos homens. A pesquisa ouviu 3 000 pessoas, entre homens e mulheres.

Mulheres usam mais brinquedos eróticos

Quando questionados sobre o uso de “objetos” para se masturbar, 43% das mulheres responderam que usam “às vezes”, contra apenas 13% dos homens. Eles, entretanto, assumiram fantasiar mais durante a masturbação.

Mais de 60% dos homens já assistiram filmes pornô

Woman recording herself on webcam

Em 2014, um estudo australiano que ouviu 20 094 pessoas, com idades entre 16 e 69 anos, descobriu que 63% dos homens assistiram filme pornô pelo menos uma vez na vida, contra apenas 20% das mulheres. Embora a pesquisa não tenha perguntado, é meio óbvio que muitos deles acabaram “relaxando” durante o filme, né!?

A primeira masturbação acontece no início da adolescência

A idade média para a primeira masturbação é de 13 anos para as meninas e 12,4 anos para os meninos, de acordo com o estudo conduzido na Suécia.

+ Jovens suecas se masturbam tanto quanto os homens, revela pesquisa

A duração pode variar de 5 a 150 minutos

Os números revelam a experiência de uma única pessoa. O usuário do Reddit “touchingforscience”, de apenas 21 anos, cronometra as suas masturbações desde 2013. Foram 379 no total. Apesar da duração média cronometrada ser de 33 minutos, ele já anotou sessões de 5 a 150 minutos de duração (150 minutos = 2 horas e 30 minutos!).

Pessoas casadas se masturbam menos

Silent days is not anything pleasant

A Pesquisa Nacional de Saúde e Comportamento Sexual, conduzida pela Unversidade de Indiana, nos Estados Unidos, analisou a maneira como o estado civil influencia na frequência da masturbação. Os dados mostraram que as pessoas casadas foram as menos propensas a dizer que haviam se masturbado nos últimos 90 dias (57% dos homens e 39% das mulheres).

Lesões

Em 2015, foram registrados nos Estados Unidos 46 incidentes causados por “acessórios de massagens ou vibradores”. Cuidado, gente!

A influência da religião

Um estudo de 2008 mostrou que agnósticos e ateus tinham maiores chances de ter se masturbado ao menos uma vez na vida, quando comparados a pessoas de grupos religiosos específicos. Apenas 64% dos Protestantes assumiram já ter se masturbado, contra 62% dos Cristãos e 53% dos Judeus.

Mais em Sexo

Vida sexual ativa reduz a chance de problemas cardíacos em mulheres mais velhas, diz estudo

Patricia Machado08/09/2016
casal na cama - thinkstock

Conheça cinco benefícios do sexo para a saúde

Mariana Castro31/08/2016
Woman with insomnia

Ambas as partes sofrem com o fim do namoro, revela pesquisa

Patricia Machado29/08/2016

Pesquisa descobre quando os divórcios mais acontecem

Patricia Machado25/08/2016

Estudos mostram o que influencia a escolha de um parceiro para os brasileiros

Patricia Machado24/08/2016
Man watching television

Assistir televisão por muito tempo pode causar infertilidade nos homens, indica pesquisa

Mariana Castro18/08/2016
casal feliz

Casais não acreditam que podem ser traídos por seus parceiros, aponta estudo

Mariana Castro17/08/2016
romantic couple drinking beer in plastic cups at outdoor bar

Manter contato com o ex pode ser sinal de traços obscuros na personalidade, segundo psicólogos

Mariana Castro17/08/2016

Mulheres ignoram o uso de preservativos quando bebem, aponta estudo

Patricia Machado16/08/2016
Sad woman

Seis motivos que podem fazer com que a atividade sexual seja dolorida

Mariana Castro12/08/2016
Shocked woman squeezing pimple in bathroom

Seis hábitos “sexuais” que podem causar espinhas – e como resolvê-los

Mariana Castro10/08/2016
family couple in bed, woman with insomnia

Qualidade do sono pode afetar o seu relacionamento, revela pesquisa

Patricia Machado09/08/2016
pessoas altruistas fazem mais sexo - thinkstock

Pessoas altruístas e bondosas fazem mais sexo, diz pesquisa

Patricia Machado08/08/2016
It was horrible night for both of us

Ressecamento vaginal pode afetar a vida sexual das mulheres, segundo especialista

Mariana Castro05/08/2016
couple with smartphones and shopping bags in mall

Usuários do Tinder são insatisfeitos com a aparência, conclui pesquisa

Patricia Machado05/08/2016