Uso diário de dispositivos móveis pode prejudicar o sono das crianças, diz estudo

Por Mariana Castro em 24/04/2017

Com tantos jogos, vídeos e animações disponíveis, muitos pais utilizam tablets e smartphones para distrair seus filhos. No entanto, é preciso tomar cuidado com esse hábito. Um novo estudo sugere que o uso diário de dispositivos móveis faz com que os pequenos durmam menos e demorem mais para pegar no sono. Isso poderia prejudicar o desenvolvimento cognitivo da criança, uma vez que ela tem menos horas de sono.

+ Uso descontrolado do celular pode causar obesidade em crianças, diz pesquisa

+ Crianças que dormem pouco podem ter depressão e ansiedade, diz pesquisa

Para a pesquisa, realizada pela Universidade de Londres, no Reino Unido, 715 pais e mães responderam um questionário sobre o uso desses aparelhos e dos hábitos de sono de seus filhos. Os resultados revelaram que crianças que usam celulares e dispositivos touchscreen com frequência dormem dezesseis minutos a menos em um dia. Além disso, 75% dos bebês e crianças usavam essas tecnologias diariamente. De acordo com o estudo, 51% dos bebês com até onze meses tinham esse hábito enquanto 92% das crianças com até três anos brincavam com esses aparelhos diariamente.

“Antes de restringir totalmente o uso de dispositivos touchscreen, que pode trazer benefícios, nós temos que compreender profundamente como usar essa tecnologia moderna de uma forma que maximize os benefícios e minimize qualquer consequência negativa para as crianças”, ressaltou Tim Smith, líder do estudo, em comunicado.

Foto: Getty Images