Uma hora de sono após o almoço pode rejuvenescer o cérebro, diz pesquisa

Por Mariana Castro em 10/01/2017

É quase impossível não sentir aquele sono arrebatador logo após o almoço, não é mesmo? Para não atrapalhar a produtividade, muitos tomam uma boa dose de café ou até conversam com os seus colegas para se manterem acordados durante essas horas. Mas, um novo estudo realizado na China revelou que o segredo para melhorar o rendimento durante a tarde pode estar justamente em tirar uma soneca depois da refeição.

+ Descubra os benefícios do cochilo

+ Sintomas que podem indicar problemas na tireoide

Os pesquisadores descobriram que dormir após o almoço pode rejuvenescer o cérebro, fazendo com que ele fique até cinco anos mais jovem. Para obter esses resultados, o cochilo deve ser de uma hora. Isso significa que os resultados serão comprometidos caso a pessoa durma menos ou mais do que 60 minutos.

O estudo envolveu cerca de três mil chineses maiores de 65 anos. Dos participantes, 60% relataram dormir entre 30 e 90 minutos após o almoço. Eles tiveram que solucionar problemas de matemática e testes de memória para avaliar a sua capacidade cognitiva. Os resultados revelaram que pessoas que tiravam um cochilo de 60 minutos após o almoço se saíram melhor nos testes, em comparação com os que não dormiam.

Na verdade, aqueles que não dormiam obtiveram resultados semelhantes aos que dormiam menos ou mais do que uma hora. Todos eles apresentaram uma redução em suas habilidades cognitivas quando comprados com as pessoas que cochilavam por 60 minutos. “O declínio detectado em suas habilidades mentais corresponde ao que um aumento de cinco anos na idade seria capaz de causar”, contou Junxin Li, autor do estudo, ao Daily Mail.

Os resultados encontrados pela pesquisa foram publicados no periódico Journal of the American Geriatrics Society.

Foto: Getty Images