Saúde e Bem-Estar

Profissionais que trabalham ao ar livre têm três vezes mais chances de desenvolver câncer de pele

Profissionais que trabalham ao ar livre têm três vezes mais chances de desenvolver câncer de pele

Segundo estimativas do Instituto Nacional do Câncer (INCA), só em 2016 serão registrados no Brasil 175.760 novos casos de câncer de pele, sendo 80.850 em homens e 94.910 entre mulheres.

+ Como prevenir o câncer de pele

As maiores vítimas são pessoas na faixa dos 40 anos, de pele clara — mais sensíveis a ação dos raios solares — ou com doenças cutâneas prévias.

Uma pesquisa recente descobriu que os profissionais que trabalham ao ar livre, como trabalhadores rurais, da construção civil e até policiais, estão mais propensos a desenvolver câncer de pele se comparados a outros trabalhadores. E não é pouco não: as chances de que isso aconteça são três vezes maiores após um período de cinco anos!

+ As principais dúvidas sobre o protetor solar

Além do câncer de pele, os profissionais que realizam suas atividades ao ar livre também têm chances de desenvolver a queratose actínica, uma lesão que indica dano solar e que também pode levar ao câncer. Para ser ter uma ideia, entre 40% a 60% dos tumores malignos surgem a partir de queratoses mal tratadas.

O relatório apoiado pela LEO Pharma, publicado no Journal of the European Academy of Dermatology and Venereology, também chama a atenção para que os trabalhadores sejam protegidos da radiação dos raios ultravioleta (UV) de forma primária e secundária, incluindo ações educativas e o uso de protetores solares.

Um grupo de especialistas em pele ainda está batalhando para que o câncer de pele do tipo não-melanoma e a queratose actínica sejam reconhecidos como doenças ocupacionais. Apesar dos profissionais que trabalham ao ar livre estarem até três vezes mais expostos aos raios UV do que a média das pessoas, atualmente não há um reconhecimento internacional de que a luz do sol é um risco ocupacional para eles. As discussões estão no Parlamento Europeu que se reúne este mês para debater o assunto.

Saúde e Bem-Estar

Mais em Saúde e Bem-Estar

Bananas is good way for healthy carbs

O que comer antes e depois de uma atividade física?

Mariana Castro21/02/2017
Woman receiving cosmetic treatment

Como rejuvenescer a pele sem realizar procedimentos cirúrgicos?

Patricia Machado21/02/2017
Girls dancing at the festival

Dicas para cuidar dos olhos durante o carnaval

Redação Apontador20/02/2017
Happy woman at cafe using laptop

Marca de preservativos lança primeiro chatbot sobre saúde sexual no Brasil

Mariana Castro20/02/2017
Woman measuring her waist

Gene encontrado em verme pode ajudar a combater a obesidade, aponta estudo

Mariana Castro20/02/2017
Marijuana bud

Anvisa autoriza uso de medicamento à base de maconha para tratamento de Alzheimer

Patricia Machado17/02/2017
Doctor's and patient's hand

Câncer é a principal causa de morte por doença entre pessoas de 15 e 29 anos, diz estudo

Patricia Machado15/02/2017
idoso cartao de natal - imagem 3 - reproducao

Idoso com demência recebe cartões no dia dos namorados de pessoas desconhecidas

Mariana Castro14/02/2017
Noisy Nursery Lesson

Ruído nas escolas pode acarretar danos à audição de alunos e professores

Redação Apontador14/02/2017
Measuring fatty abdominal

Dormir menos de 7 horas por dia engorda, garante estudo

Patricia Machado13/02/2017
Alcohol cleaning gel

Anvisa suspende lote de gel antisséptico

Mariana Castro13/02/2017
girl in the forest uses the spray against mosquitoes

Oito produtos que podem perder o efeito ou fazer mal à saúde após o prazo de validade

Redação Apontador13/02/2017
Father and son future

Poupatempo ajuda no reconhecimento de parternidade

Mariana Castro13/02/2017
Audience with hands in the air at a music festival

Pesquisa descobre que música, sexo e drogas ativam as mesmas substâncias no cérebro

Mariana Castro10/02/2017
cadeira de rodas - divulgacao

Tecnologia permite que cadeiras de rodas sejam guiadas por expressões faciais

Patricia Machado10/02/2017