Saúde e Bem-Estar

Pessoas que gostam de ir a shows e de sair para dançar são mais felizes, conclui pesquisa

Pessoas que gostam de ir a shows e de sair para dançar são mais felizes, conclui pesquisa

Um novo estudo realizado pela Universidade Deakin, na Austrália, comprovou o que muita gente já suspeitava: a música é capaz de influenciar positivamente a vida das pessoas. E tem mais: quem passa o seu tempo livre indo a shows ou saindo para dançar é considerado mais feliz.

+ Cinco dicas práticas para conquistar a felicidade

+ Genética influencia na felicidade, diz pesquisa

A descoberta foi publicada no periódico científico Psycology of Music. Para chegar a essa conclusão, os cientistas envolvidos no projeto entrevistaram mil australianos para observar a relação que existia entre a música e o nível de felicidade das pessoas.

Através de questionários, os participantes responderam perguntas que avaliavam seis formas diferentes de engajamento musical: ouvir, cantar, tocar um instrumento, dançar, compor uma letra ou melodia e frequentar eventos musicais.

As respostas revelaram que aqueles que tinham o hábito de sair para dançar ou de ir a shows musicais eram mais felizes do que os voluntários que preferiam se envolver com a músicas apenas através da composição e do hábito de cantar, ouvir música ou tocar um instrumento.

Uma explicação para esse resultado está no fato de que a experiência de ir a um show ou sair para dançar faz com que as pessoas estejam rodeadas por tantas outras e possam fazer novas amizades, enquanto ouvir música sozinho não permite tal socialização.

“A música pode ser um meio de facilitar as conexões sociais e nós sabemos que esses relacionamentos são essenciais para o bem-estar. Tudo o que nos une através de um interesse em comum irá contribuir para isso, inclusive a música”, explicou Melissa Weinberg, uma das autoras do estudo, à CNN.

Foto: Getty Images

Mais em Saúde e Bem-Estar

Marijuana bud

Anvisa autoriza uso de medicamento à base de maconha para tratamento de Alzheimer

Patricia Machado17/02/2017
Doctor's and patient's hand

Câncer é a principal causa de morte por doença entre pessoas de 15 e 29 anos, diz estudo

Patricia Machado15/02/2017
idoso cartao de natal - imagem 3 - reproducao

Idoso com demência recebe cartões no dia dos namorados de pessoas desconhecidas

Mariana Castro14/02/2017
Noisy Nursery Lesson

Ruído nas escolas pode acarretar danos à audição de alunos e professores

Redação Apontador14/02/2017
Measuring fatty abdominal

Dormir menos de 7 horas por dia engorda, garante estudo

Patricia Machado13/02/2017
Alcohol cleaning gel

Anvisa suspende lote de gel antisséptico

Mariana Castro13/02/2017
girl in the forest uses the spray against mosquitoes

Oito produtos que podem perder o efeito ou fazer mal à saúde após o prazo de validade

Redação Apontador13/02/2017
Father and son future

Poupatempo ajuda no reconhecimento de parternidade

Mariana Castro13/02/2017
Audience with hands in the air at a music festival

Pesquisa descobre que música, sexo e drogas ativam as mesmas substâncias no cérebro

Mariana Castro10/02/2017
cadeira de rodas - divulgacao

Tecnologia permite que cadeiras de rodas sejam guiadas por expressões faciais

Patricia Machado10/02/2017
Beautiful pregnant business woman

Carregar peso e trabalhar à noite pode influenciar a fertilidade, diz pesquisa

Mariana Castro10/02/2017
Smiling woman in a shower

Cinco objetos extremamente sujos que tocamos diariamente

Patricia Machado09/02/2017
cooked rice

O modo como você cozinha o arroz pode ser perigoso para a saúde, revela pesquisa

Mariana Castro09/02/2017
Red and white pills coming out of bottle on Caucasian hand

Ibuprofeno não é tão eficaz para dores e pode gerar efeitos colaterais, diz estudo

Mariana Castro08/02/2017
Zika virus aedes aegypti Dengue chikungunya Mayaro fever human skin

Dengue e chikungunya: conheça as diferenças entre as doenças

Patricia Machado08/02/2017