Olhar nos olhos durante uma conversa dificulta o funcionamento do cérebro

Por Mariana Castro em 01/12/2016

Muito se fala sobre o contato visual. Apesar de ouvir, frequentemente, que ele passa confiança e sensibilidade, é comum se sentir estranho ao fixar os olhos no outro. A pessoa fica intimidada, as palavras parecem fugir da cabeça e logo ela desvia o olhar. Se você se identificou, pode ficar tranquilo. Estudos descobriram que há uma explicação para tal sentimento de nervosismo ao fazer contato visual.

+ Por que as pessoas costumam fechar os olhos na hora de beijar?

+ Escrever à mão ajuda no desenvolvimento do cérebro, aponta especialista

A pesquisa foi desenvolvida na Universidade de Quioto, no Japão. Ela revelou que, nessas situações, o cérebro fica sobrecarregado pelo olhar e tem dificuldade em pensar nas palavras certas. Participaram do experimento 26 voluntários, que deveriam responder a um jogo de palavras. Os cientistas forneciam um verbo (por exemplo, cortar) e as pessoas deveriam responder com uma palavra associada (neste caso, faca).

Os participantes foram divididos em dois grupos. Um deles encarava e era encarado por um rosto no computador, enquanto o outro grupo brincava enquanto a pessoa computadorizada olhava para baixo. Os resultados mostraram um melhor desempenho do segundo grupo, com as pessoas que faziam contato visual demorando cada vez mais de acordo com o grau de dificuldade das associações de palavras.

+ Saiba como o uso do celular está transformando o seu corpo e cérebro

O mesmo acontece fora do jogo. Fazer contato visual e ainda precisar de concentração para buscar palavras complexas são dois esforços cognitivos que sobrecarregam o cérebro. Isso, segundo os pesquisadores japoneses, é um indício de que a comunicação verbal e a não verbal estão mais ligadas do que se imagina. Elas vêm de uma mesma fonte, que fica escassa se muitos fatores demandam dela.

Foto: Getty Images