Saúde e Bem-Estar

Mulheres consomem mais açúcar do que os homens, diz pesquisa

Mulheres consomem mais açúcar do que os homens, diz pesquisa

De acordo com dados obtidos de uma pesquisa realizada pelo Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, as mulheres consomem mais açúcar do que os homens — principalmente no formato de doces.

+ Entenda o que está por trás da vontade de comer doce

Entre as escolhas favoritas das entrevistadas, 45% preferem bolos, doces caseiros, biscoitos e bolachas. Já o chocolate é preferência de 37% das mulheres. O cardiologista e chefe de nutrição do Instituto, Daniel Magnoni, sugere que o açúcar seja mais consumido pelo sexo feminino por questões como a Tensão Pré-Menstrual (TPM), funcionando como um “controlador” de emoções.

“A oscilação hormonal durante a TPM é um fator determinante para a maior procura pelo açúcar. Durante o período que antecede a menstruação há uma queda no nível de serotonina, neurotransmissor responsável pela sensação de bem-estar. Uma vez em queda, existe um aumento da fome, principalmente pelos doces, na tentativa de regularizar este nível”, explica Magnoni.

Ainda de acordo com a pesquisa, 65% das entrevistadas disseram que usam o açúcar refinado nas preparações alimentares. Já o menos utilizado é o light: somente 0,45% afirmam consumi-lo. Estes dois tipos de açúcar, classificados como branco, são regularmente adicionados em diversos produtos industrializados, assim como nas receitas de bolos e doces, café, chás, sucos e leite.

+ Conta no Instagram mostra a quantidade de açúcar no que você come

A nutricionista Marcia Daskal, da Recomendo Assessoria em Nutrição, reforça que o ingrediente pode fazer parte da dieta, mas precisa ser consumido com equilíbrio. “Já é sabido, e muitas pessoas até acham repetitivo, que o sucesso está na ingestão balanceada do açúcar. Não é preciso retirá-lo da alimentação e nem é necessariamente mais saudável. Ao contrário, corre-se o risco de aumentar a vontade de comê-lo, principalmente pela sensação do ‘proibido’. Para não exagerar na dose, a mulher pode fazer um diário do que ingeriu na semana. Isso ajuda a visualizar os momentos em que o corpo mais pede açúcar, como na TPM, por exemplo”, observa.

Mais em Saúde e Bem-Estar

Friends in the cafe

Álcool compromete o cérebro mesmo sem causar embriaguez, diz pesquisa

Mariana Castro20/04/2017
Girl looking in the mirror

Cinco sinais de que sua pele está envelhecendo rápido

Patricia Machado19/04/2017
Businessman sleeping on the couch

Sonecas deixam as pessoas mais felizes, garante pesquisa

Mariana Castro18/04/2017
Pampering cream

Quatro hábitos que podem prejudicar a pele no inverno

Patricia Machado18/04/2017
Teen woman with headache holding her hand to head

Enxaqueca influencia no desenvolvimento de transtorno de ansiedade, conclui pesquisa

Mariana Castro17/04/2017
Woman doing yoga exercise

Meditar regularmente pode ajudar a reduzir o estresse, diz estudo

Mariana Castro17/04/2017
Portrait of a beautiful little girl with strawberry

Consumir frutas pode reduzir o risco de diabetes, aponta pesquisa

Mariana Castro17/04/2017
Sad little girl

Problema auditivo pode prejudicar o aprendizado das crianças na escola

Mariana Castro11/04/2017
mother teaching daughter to cut vegetables

Mitos e verdades da dieta vegana

Mariana Castro10/04/2017
assadura em bebes - istock

Dicas para tratar assaduras em bebês

Mariana Castro10/04/2017
Mother and daughter

Filhos de mães mais velhas têm menos problemas comportamentais, diz estudo

Mariana Castro07/04/2017
woman tired of diet restrictions craving sweets chocolate

Psicólogos desenvolvem técnica para controlar compulsão por chocolate

Mariana Castro06/04/2017
boy and headphones

Jogar videogame pode ajudar no combate à depressão, afirma pesquisa

Mariana Castro05/04/2017
Woman Suffering From Stomach Ache

Itália planeja oferecer licença remunerada para quem sofrem com cólicas menstruais

Mariana Castro03/04/2017
Prescription Drug

Tomar anti-inflamatórios aumenta o risco de infarto, diz pesquisa

Mariana Castro31/03/2017