Mitos e verdades sobre as varizes

Por Patricia Machado em 19/12/2016

Olhar para o espelho e se deparar com aquele vasinho de cor roxa na perna é um pesadelo, pelo menos para as mulheres. Quando isso acontece, a mulher logo percebe que está com varizes e, por motivos estéticos, isso costuma incomodar muito.

+ Câncer de pele: saiba como prevenir e fazer o autoexame

+ 5 dicas para cuidar da saúde e beleza da pele no verão

“As varizes do sistema venoso externo podem doer, arder, dar sensação de peso às pernas e tornozelos, coçar, incomodar esteticamente e, dependendo do grau, levar a úlceras varicosas”, explica Aline Lamaita, cirurgiã vascular e angiologista do Hospital Albert Einstein.

Inúmeros fatores podem influenciar a ocorrência das varizes, que são veias dilatadas e tortuosas que perderam sua função causando danos estéticos e circulatórios. Dentre as causas mais comuns estão genética, idade e sexo.

Women's legs

“Enquanto o fator genético é preponderante, o envelhecimento é um agravante. Além disso, as mulheres são mais propensas ao desenvolvimento das varizes, por influência hormonal, já que têm as veias mais flácidas que os homens”, afirma Aline. “No entanto, alguns hábitos também podem agravar a situação”, completa.

Diversos tratamentos podem ser aplicados na cura das varizes. Mas, o procedimento precisa ser realizado por um médico especializado no assunto. “Cada caso requer um tipo de tratamento, que pode ser por meio da escleroterapia (substância química injetada dentro da veia), uso de lasers e radiofrequências”, conta a angiologista.

Para prevenir a ocorrência dos temidos vasinhos, confira alguns mitos e verdades sobre as varizes:

Salto alto provoca varizes? Mito

“Não existe um consenso na literatura científica que defina que o uso de salto alto a longo prazo possa causar varizes. O mais adequado seria, no caso das usuárias mais assíduas de salto, alternar a altura dos calçados. O ideal é utilizar saltos mais grossos, que dão mais estabilidade, e que tenham entre três e quatro centímetros de altura. Além disso, é recomendável fazer atividade física regular e alongamentos para tentar minimizar os efeitos que o salto pode causar”, diz Aline.

Fazer depilação com cera quente causa varizes? Mito

Acreditava-se que a depilação com cera quente poderia desencadear o aparecimento de varizes por causa da vasodilatação provocada pelo excesso de calor, mas isso nunca foi comprovado em trabalhos científicos.

As chances de ter varizes na gravidez aumentam? Verdade

Um dos fatores que fazem com que as futuras mães apresentem o problema nas pernas é o hormonal. A progesterona aumenta a dilatação de todas as veias do organismo e o crescimento do feto é responsável por elevar a pressão nas veias das pernas. Para minimizar o problema, a recomendação é o uso de meias de compressão a partir do segundo mês de gravidez. O ideal é colocá-la pela manhã e tirá-la apenas na hora de dormir.

Subir escada dá varizes? Mito

Subir escadas é um exercício muito bom para o retorno venoso. A atividade também permite o treinamento cardiopulmonar e fortalece a musculatura da perna. Exercícios de impacto como pular cordas também não pioram as varizes.

Tomar anticoncepcional piora as varizes? Verdade

O anticoncepcional é um fator agravante para a ocorrência de varizes. O método contraceptivo oral aumenta a incidência de tromboflebite, que é uma inflamação da veia com formação de coágulo. Além disso, por causa do estrogênio, o anticoncepcional também aumenta o número de vasinhos.

Foto: Getty Images