Saúde e Bem-Estar

Fazer diferentes dietas com frequência contribui para o ganho de peso, diz estudo

Fazer diferentes dietas com frequência contribui para o ganho de peso, diz estudo

Se você está sempre tentando fazer dietas diferentes, que não duram mais do que uma semana, é melhor tomar uma decisão definitiva quanto ao seu cardápio. Um novo estudo revelou que dietas curtas e frequentes podem levar ao ganho de peso, uma vez que o cérebro interpreta as curtas dietas como períodos de fome e armazena mais gordura para encarar uma futura escassez alimentar.

+ Beber água antes das refeições ajuda na perda de peso, conclui estudo

+ Alimentos que já foram considerados vilões da saúde e hoje são aliados de muitas dietas

Pesquisadores das Universidades de Exeter e Bristol, ambas no Reino Unido, basearam a pesquisa realizada na observação de pássaros. Esses animais respondem ao risco de escassez de alimento ganhando peso para, caso seja necessário, terem uma reserva.

“Ganhar peso em dietas como essas, portanto, não significa um mau funcionamento do corpo”, explicou John McNamara, pesquisador da Universidade de Bristol, no artigo científico. “O cérebro pode estar funcionando perfeitamente, mas a incerteza de suprimento alimentar desencadeia essa resposta do corpo”.

Surpreendentemente, a média de ganho de peso é maior para pessoas que vivem tentando testar várias dietas do que para aquelas que não fazem regime. “Isso acontece porque as pessoas que não fazem dieta têm a segurança de que terão um alimento sempre disponível, então não há necessidade de garantir o armazenamento de gordura”, revelou Andrew Higginson, professor de psicologia da Universidade de Exeter.

+ Dieta vegana influencia na longevidade, diz estudo

A pesquisa revelou ainda que o desejo de comer aumenta à medida que uma dieta continua, e não diminui com o ganho de peso porque o cérebro fica convencido da probabilidade de passar fome no futuro. “A melhor coisa para perder peso e se manter saudável, portanto, é manter uma frequência de alimentação estável e moderada, além de praticar exercícios”, afirmou Andrew.

Foto: Getty Images

Mais em Saúde e Bem-Estar

Bananas is good way for healthy carbs

O que comer antes e depois de uma atividade física?

Mariana Castro21/02/2017
Woman receiving cosmetic treatment

Como rejuvenescer a pele sem realizar procedimentos cirúrgicos?

Patricia Machado21/02/2017
Girls dancing at the festival

Dicas para cuidar dos olhos durante o carnaval

Redação Apontador20/02/2017
Happy woman at cafe using laptop

Marca de preservativos lança primeiro chatbot sobre saúde sexual no Brasil

Mariana Castro20/02/2017
Woman measuring her waist

Gene encontrado em verme pode ajudar a combater a obesidade, aponta estudo

Mariana Castro20/02/2017
Marijuana bud

Anvisa autoriza uso de medicamento à base de maconha para tratamento de Alzheimer

Patricia Machado17/02/2017
Doctor's and patient's hand

Câncer é a principal causa de morte por doença entre pessoas de 15 e 29 anos, diz estudo

Patricia Machado15/02/2017
idoso cartao de natal - imagem 3 - reproducao

Idoso com demência recebe cartões no dia dos namorados de pessoas desconhecidas

Mariana Castro14/02/2017
Noisy Nursery Lesson

Ruído nas escolas pode acarretar danos à audição de alunos e professores

Redação Apontador14/02/2017
Measuring fatty abdominal

Dormir menos de 7 horas por dia engorda, garante estudo

Patricia Machado13/02/2017
Alcohol cleaning gel

Anvisa suspende lote de gel antisséptico

Mariana Castro13/02/2017
girl in the forest uses the spray against mosquitoes

Oito produtos que podem perder o efeito ou fazer mal à saúde após o prazo de validade

Redação Apontador13/02/2017
Father and son future

Poupatempo ajuda no reconhecimento de parternidade

Mariana Castro13/02/2017
Audience with hands in the air at a music festival

Pesquisa descobre que música, sexo e drogas ativam as mesmas substâncias no cérebro

Mariana Castro10/02/2017
cadeira de rodas - divulgacao

Tecnologia permite que cadeiras de rodas sejam guiadas por expressões faciais

Patricia Machado10/02/2017