Empresa brasileira quer produzir remédio à base de maconha

Por Patricia Machado em 28/06/2016

A startup Entourage Phytolab, que trabalha no ramo farmacêutico, anunciou que quer produzir o primeiro medicamento brasileiro à base de maconha. O objetivo do projeto é criar um extrato fitoterápico capaz de tratar casos de epilepsia que não tiveram resultados positivos com remédios tradicionais.

+ Cinco alimentos que toda mulher deve consumir para ser saudável na velhice

+ Quatro dicas para praticar exercícios no inverno

A empresa tem esse desejo desde que foi criada, em 2015. No entanto, só agora conseguirá liderar os testes para a produção do medicamento, que deve ser lançado em 2018.

De acordo com informações divulgadas pelo jornal Folha de S. Paulo, os principais componentes do extrato da erva e que serão utilizados como matéria-prima são o tetra-hidrocanabinol (THC) e o canabidiol (CBD).

A principal vantagem do medicamento ser desenvolvido e testado no Brasil é que não será mais necessário que o paciente solicite uma autorização para importar a droga, como acontece atualmente.

Até o produto ser finalizado, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) deverá ser a responsável por supervisionar todas as etapas de testes clínicos em pessoas e animais.

 Foto: Thinkstock