Saúde e Bem-Estar

Descoberta de sistema de arquivamento no cérebro pode afastar pensamentos desagradáveis

Descoberta de sistema de arquivamento no cérebro pode afastar pensamentos desagradáveis

Assim como você guarda cartões de aniversário em uma pasta e documentos de banco em outra, o cérebro também mantém separadas boas e desagradáveis informações. Um novo estudo revelou que experiências prazerosas são armazenadas em uma parte da amígdala, que é um importante centro de memória no cérebro, enquanto experiências negativas são armazenadas em outra área.

+ Pesquisadores descobrem “interruptor” no cérebro que desliga para acordarmos

+ Escrever à mão ajuda no desenvolvimento do cérebro, apontam especialistas

Cientistas do RIKEN-MIT Centre for Neural Circuit Genetics, no Japão, também descobriram que neurônios positivos e negativos são diferentes geneticamente e podem ser manipulados para alterar certos comportamentos. Apesar do estudo ter sido feito com ratos, os pesquisadores acreditam que a descoberta de um sistema de arquivamento poderá ser aplicada a humanos e, no futuro, levar à cura da depressão.

Para identificar onde agiam os neurônios positivos e negativos, os ratos foram expostos a choques elétricos na pata, como uma experiência desagradável, e a companhias de ratos fêmeas, que foi uma experiência positiva. Cada uma das experiências deixou sua marca na amígdala, ativando neurônios em regiões distintas dela.

Os roedores ainda foram treinados a realizar certas tarefas quando submetidos às experiências, como ficar imóveis ao receber o choque elétrico. Mas, estimulando com luzes os neurônios associados ao comportamento em questão, era possível enfraquecê-lo, mesmo quando o rato já estava treinado a realizar.

+ Cérebro adolescente pode revelar futuros distúrbios mentais, aponta pesquisa

Isso significa que estimular os neurônios poderia enfraquecer o significado de experiências positivas ou negativas nas memórias armazenadas. “Pelo menos para a depressão causada por estresses e traumas, esse experimento pode apresentar uma forma de cura”, falou Susumu Tonegawa, líder do estudo, ao MailOnline.

Mais em Saúde e Bem-Estar

old woman looking in a window

Depressão na terceira idade: sintomas e tratamento

Mariana Castro27/04/2017
Salt spilling on table from salt cellar

Excesso de sal na comida pode aumentar a sensação de fome, revela pesquisa

Mariana Castro27/04/2017
Iced cola

Refrigerante diet aumenta os riscos de AVC e demência, diz estudo

Mariana Castro25/04/2017
teenager lay on the floor in the room

Uso diário de dispositivos móveis pode prejudicar o sono das crianças, diz estudo

Mariana Castro24/04/2017
Fat on stomach

Mais da metade dos brasileiros está acima do peso, revela pesquisa

Mariana Castro24/04/2017
Friends in the cafe

Álcool compromete o cérebro mesmo sem causar embriaguez, diz pesquisa

Mariana Castro20/04/2017
Girl looking in the mirror

Cinco sinais de que sua pele está envelhecendo rápido

Patricia Machado19/04/2017
Businessman sleeping on the couch

Sonecas deixam as pessoas mais felizes, garante pesquisa

Mariana Castro18/04/2017
Pampering cream

Quatro hábitos que podem prejudicar a pele no inverno

Patricia Machado18/04/2017
Teen woman with headache holding her hand to head

Enxaqueca influencia no desenvolvimento de transtorno de ansiedade, conclui pesquisa

Mariana Castro17/04/2017
Woman doing yoga exercise

Meditar regularmente pode ajudar a reduzir o estresse, diz estudo

Mariana Castro17/04/2017
Portrait of a beautiful little girl with strawberry

Consumir frutas pode reduzir o risco de diabetes, aponta pesquisa

Mariana Castro17/04/2017
Sad little girl

Problema auditivo pode prejudicar o aprendizado das crianças na escola

Mariana Castro11/04/2017
mother teaching daughter to cut vegetables

Mitos e verdades da dieta vegana

Mariana Castro10/04/2017
assadura em bebes - istock

Dicas para tratar assaduras em bebês

Mariana Castro10/04/2017