Saúde e Bem-Estar

Dengue e chikungunya: conheça as diferenças entre as doenças

Dengue e chikungunya: conheça as diferenças entre as doenças

Os casos de dengue e chikungunya no Brasil não param de assustar a população. De acordo com dados do Ministério da Saúde, foram registrados 1.500.535 casos de dengue e 271.824 casos de chikungunya no ano passado.

+ Como se proteger do zika vírus

+ Síndrome do Intestino Irritável é fruto de estresse e má alimentação

O mosquito Aedes aegypti é responsável pela transmissão de ambas as doenças, que têm sintomas bastante semelhantes. Para evitar a sua proliferação, é importante controlar o acúmulo de água limpa em locais onde o mosquito se abriga, como pratos de vasos de plantas, caixas d’água mal tampadas, latas, garrafas, plásticos, pneus, piscinas sem tratamento da água e calhas.

Para esclarecer as principais diferenças entre a dengue e chikungunya, Célia Canuto, infectologista responsável pelo Centro de Controle de Infecção do Hospital Vida’s, comentou as principais dúvidas sobre o tema.

Confira:

O mosquito Aedes Aegypti pica apenas durante o dia?

O mosquito costuma picar nas primeiras horas da manhã e nas últimas horas da tarde porque ele evita o sol forte. Mas, mesmo nas horas quentes, ele pode atacar à sombra.

Somente as fêmeas transmitem a doença?

Sim, apenas as fêmeas picam.

Quando é mais comum a proliferação?

A proliferação é mais intensa no verão devido às altas temperaturas e a presença de chuvas nessa estação.

No período de inverno a população está livre dessas doenças?

Com o aumento da temperatura há redução da proliferação do mosquito, no entanto há descrição de casos nesse período.

Qualquer repelente ajuda na prevenção?

O repelente ideal é aquele que contém a substância Icaridina porque ela confere proteção de até 12 horas.

Existe algum alimento que ajuda na prevenção dessas doenças?

Não, nenhum alimento tem comprovação na prevenção dessas doenças.

Os inseticidas em aerossol ou elétricos evitam a entrada do mosquito na residência?

Os repelentes têm ação paliativa. Eles não eliminam o mosquito, apenas o mantém distante por algum tempo.

Todas as pessoas picadas pelo mosquito transmissor irão desenvolver as doenças?

Não, a resposta imunológica é independente para cada pessoa.

Os sintomas de dengue e chikungunya são iguais?

As duas doenças apresentam sintomas semelhantes, mas, no caso de chikungunya, a artralgia (dor nas articulações) é mais intensa acometendo mãos e pés (tornozelos) com edema (inchaço).

A chikungunya é mais perigosa do que a dengue?

A dengue é, sem dúvidas, mais grave do que a chikungunya. Nos casos mais graves, a dengue pode provocar hemorragias, que, por sua vez, podem levar à óbito.

É verdade que a chikungunya pode provocar problemas neurológicos e/ou motores?

Em bebês e pessoas idosas, a chikungunya pode ter manifestações mais graves com acometimento neurológico (encefalite, convulsões, edema cerebral) e pode causar limitação de movimentos devido à artralgia intensa e edema de articulações. A chikungunya pode até simular sintomas de doença reumática.

O tratamento das duas doenças é igual?

O tratamento das duas doenças exige observação clínica dos sinais e sintomas e medicamento para febre e dores articulares. No caso da chikungunya, a doença pode ser administrada com um analgésico mais forte. Vale salientar que não poderá ser utilizado aspirinas.

Procurando uma clínica ou hospital perto de você? Clique aqui e faça a sua busca no Apontador.

Foto: Getty Images

Mais em Saúde e Bem-Estar

young woman sitting on couch and blowing nose

Problemas respiratórios aumentam as chances de infarto, diz pesquisa

Mariana Castro22/05/2017
Looking in mirror

França aprova lei que proíbe modelos extremamente magras

Mariana Castro22/05/2017
Hand Holding Small Marijuana Leaf with Cannabis Plants in Background

Anvisa reconhece Cannabis sativa como planta medicinal

Mariana Castro18/05/2017
Young woman picking her nails

Ansiedade: entenda o transtorno, sintomas e tratamentos

Mariana Castro16/05/2017
Fitness female athlete lifting weights in gym

Falar palavrões durante atividades físicas deixa as pessoas mais fortes, revela pesquisa

Mariana Castro12/05/2017
Pink breast cancer awareness ribbon in hand

Estudantes criam sutiã capaz de detectar sinais de câncer de mama

Mariana Castro11/05/2017
Woman hands holding cigarette outdoor.

Cigarro estimula produção de enzima que entope as artérias, conclui pesquisa

Mariana Castro10/05/2017
aula de cochilo - reproducao

Academia oferece aula de cochilo para queimar calorias e aliviar estresse

Mariana Castro09/05/2017
Close up of massage shoulder

Fazer massagem pode ser tão bom para o bem-estar quanto receber, revela estudo

Mariana Castro05/05/2017
Beautiful woman using mascara in bathroom

Dicas para manter os cílios fortes e saudáveis

Patricia Machado03/05/2017
Tired woman with tea in kitchen

Dormir muitas horas seguidas não compensa o ‘sono acumulado’, afirma pesquisa

Mariana Castro02/05/2017
Taking a pic of food for social network site

Fotografar as suas refeições pode ajudar no emagrecimento, revela pesquisa

Mariana Castro02/05/2017
Senior couple mountain biking on a forest trail, low angle

Exercícios de alta intensidade podem afetar a longevidade, diz estudo

Mariana Castro02/05/2017
old woman looking in a window

Depressão na terceira idade: sintomas e tratamento

Mariana Castro27/04/2017
Salt spilling on table from salt cellar

Excesso de sal na comida pode aumentar a sensação de fome, revela pesquisa

Mariana Castro27/04/2017