Como a cafeína afeta o corpo humano?

Por Patricia Machado em 19/07/2017

É comum se sentir sonolento pela manhã e no meio da tarde. Para combater essa sensação, a maioria das pessoas opta pelo consumo de uma xícara de café. Esse habito contribui para que 100 mil toneladas de cafeína sejam consumidas todos os anos. O composto está presente em bebidas, como café, chá e refrigerante, e em alimentos, como o chocolate.

+ Genética pode influenciar a vontade de tomar café, diz pesquisa

+ Conheça os benefícios do chá para o organismo

De acordo com um vídeo produzido pelo canal Ted-Ed, a cafeína é responsável por manter as pessoas acordadas, concentradas e cheias de energia. Além disso, a substância é capaz de gerar a sensação de felicidade. Isso acontece porque o composto atua no corpo humano como um estimulante, agindo no sistema nervoso. Ao bloquear as principais moléculas indutoras do sono, a substância mantém as pessoas acordadas.

Pesquisadores acreditam que o consumo de cafeína a longo prazo pode trazer outros benefícios para o organismo humano. O composto ajuda na redução de doenças, como o Alzheimer e a Síndrome de Parkinson. A cafeína também tem a propriedade de aumentar a capacidade do corpo queimar gordura.

No entanto, o consumo excessivo da substância pode aumentar o ritmo cardíaco e a pressão sanguínea. Algumas pessoas podem ainda sofrer com a ansiedade e insônia.

Para ver como a cafeína afeta o corpo humano, assista ao vídeo completo, que tem legendas em português:

Foto: Getty Images