Bebidas dietéticas não ajudam no emagrecimento, diz pesquisa

Por Patricia Machado em 05/01/2017

Por não terem açúcar, acredita-se que as bebidas dietéticas são mais saudáveis e evitam o sobrepeso. No entanto, uma nova pesquisa descobriu que, na verdade, não existem provas suficientes para afirmar que a bebida faz bem para a saúde ou que ela ajuda no emagrecimento.

+ Diet, light ou zero: descubra a diferença

+ Alimentos que reduzem a gula

O estudo foi conduzido por cientistas da Universidade de São Paulo e Universidade Federal de Pelotas, ambas no Brasil, e também pela Imperial College London, na Inglaterra. Eles analisaram diversas pesquisas que foram publicadas anteriormente e que buscavam entender os impactos de bebidas adoçadas artificialmente, como refrigerantes, sucos e chás gelados, no índice de massa corporal (IMC) de diferentes pessoas.

Após a intensa verificação dos resultados obtidos até então, a pesquisa concluiu que não há provas suficientes para afirmar que bebidas dietéticas sejam menos danosas à saúde e que colaboram em processos de emagrecimento.

“Uma percepção comum, que pode ser influenciada pela indústria do marketing, é de que, por não terem açúcar, as bebidas dietéticas são mais saudáveis e ajudam na perda de peso quando usadas como substitutos para as versões açucaradas. Mas, nós não encontramos nenhuma evidência sólida para sustentar isto”, disse Christopher Millett, professor da Imperial College London, ao The Independent.

Foto: Getty Images