Anvisa aprova novo antibiótico para combater superbactérias

Por Mariana Castro em 10/01/2018

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) acaba de aprovar um novo antibiótico para o tratamento de pacientes com infecções causadas por superbactérias. Comercialmente conhecido como Zerbaxa, o medicamento deve combater a Pseudomonas aeruginosa, uma das bactérias com menos opções de tratamento disponíveis, segundo a Organização Mundial de Saúde.

O novo remédio foi aprovado para infecções intra-abdominais complicadas e infecções do trato urinário, além das pesquisas em andamento para o tratamento de pneumonia. “Esse tipo de bactéria sempre foi um desafio para nós, médicos, pois são muito frequentes em ambientes hospitalares, particularmente nas UTIs”, destaca Clóvis Arns da Cunha, infectologista e professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR), em nota.  

+ 5 alimentos e remédios que você não deve misturar

+ Como fortalecer a sua imunidade no inverno?

A resistência bacteriana tem se agravado progressivamente. Estima-se que 700 mil pessoas morram anualmente em todo o mundo devido ao fenômeno. No Brasil, cerca de 25% das infecções registradas são causadas por micro-organismos multirresistentes, que são aqueles que se tornam imunes à ação dos antibióticos. “Se as bactérias se tornarem resistentes aos antibióticos que temos disponíveis hoje, poderemos voltar à era pré-antibióticos, onde um simples ferimento infectado poderá causar graves danos”, alerta o médico.

Segundo estudos clínicos,  o novo antibiótico demonstrou 87% de eficácia no tratamento de infecções bacterianas intra-abdominais complicadas, e 75% no tratamento das infecções do trato urinário causadas por Pseudomonas aeruginosa.

Foto: Getty Images