Amamentação pode incentivar crianças a comerem legumes, diz estudo

Por Mariana Castro em 11/09/2017

Fazer as crianças comerem vegetais costuma ser um grande desafio. Os pais estão sempre inventando truques e técnicas para que elas tenham a porção necessária dos nutrientes que esses alimentos proporcionam. Mas, novos estudos descobriram que isso pode ser feito de uma forma bem mais simples: amamentando-os.

+ Fases do trabalho de parto: conheça cada uma e saiba como identificá-las

Quando começam a comer alimentos sólidos, os bebês podem achar forte o gosto de muitos legumes. Pesquisadores do Centro de Sensos Químicos Monell, na Filadélfia, nos Estados Unidos, concluíram que a amamentação expõe os bebês a esses sabores através do leite. Desta forma, eles não sentem tanto estranhamento ao entrarem em contato com a nova comida.

Quando uma mulher grávida come legumes, ela passa o sabor para o líquido amniótico e, então, para o leite materno. “Cada bebê tem uma experiência sensorial única, mas o sabor da sua primeira comida, desde o útero, está relacionado ao que a mãe come”, explicou Julie Mennella, líder do estudo.

+ Mulher interrompe o próprio casamento para amamentar a filha

+ Qual é o papel do pai durante a gestação?

Para o estudo, 97 mulheres foram divididas em cinco grupos e beberam sucos de beterraba, aipo ou cenoura por um determinado período de tempo. Seus hábitos alimentares e o de seus bebês foram analisados durante o crescimento dos pequenos. Quando começaram a comer alimentos sólidos, aos oito meses, os bebês receberam cereal puro e cereal com sabor de cenoura ou de brócolis.

Os resultados mostraram que os bebês das mães que beberam os sucos durante a fase de testes preferiram o cereal de cenoura. Além disso, as mães que beberam os sucos nos primeiros estágios de vida dos filhos contribuíram para que eles comessem o cereal com mais frequência e em maior quantidade.

Foto: Getty Images