9 mudanças de hábitos que podem ajudar na prevenção do câncer

Por em 16/05/2016

Quando o assunto é câncer, doença que deverá registrar aproximadamente 600 mil novos casos neste ano, de acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), questões como a prevenção e detecção precoce se tornam primordiais, principalmente quando as estatísticas mostram cerca de 85% dos cânceres são considerados potencialmente evitáveis.

+ Como prevenir o câncer de pele

Com base nesses dados, a oncologista Renata D’Alpino, do Centro Oncológico Antônio Ermírio de Moraes, listou algumas dicas que podem te ajudar a prevenir o câncer com simples mudanças de hábitos. Confira:

Não fume

O tabagismo é a principal causa do câncer de pulmão.  Segundo o Inca (Instituto Nacional do Câncer), em 90% dos casos diagnosticados, o câncer de pulmão está associado ao consumo de derivados do tabaco. Outros tumores também podem ser causados pelo cigarro, como de boca, garganta, bexiga e pâncreas.

Evite o consumo excessivo de álcool

O alcoolismo é uma das principais causas de cirrose hepática, que implica no desenvolvimento do câncer de fígado, e está relacionado de 2 a 4% das mortes por câncer. Além disso, o álcool também pode aumentar o risco de câncer de boca e garganta.

Pratique atividade física

A prática de exercícios físicos impacta positivamente no tratamento oncológico e pessoas ativas fisicamente apresentam menos risco de desenvolver alguns tipos de câncer, como o de mama, próstata e de cólon.

Foco na alimentação

Prestar atencao no som da mastigacao pode ajudar a comer menos

A obesidade é o segundo maior fator de risco evitável para o câncer, atrás apenas do tabagismo. Ela aumenta as chances de desenvolver alguns tipos de câncer, como o câncer de mama e de útero (endométrio). A alimentação saudável também é fundamental para evitar a doença. Mesmo indivíduos magros podem desenvolver câncer em virtude de má alimentação. Portanto, fique atento!

Evite exposição solar entre 10h e 16h

Proteger a pele dos efeitos da radiação UV ajuda a previnir o melanoma e outros tumores de pele. Evite queimaduras solares e utilize sempre o protetor solar.

Não pratique sexo desprotegido

Sexo oral desprotegido aumenta chances de desenvolver câncer de boca.

Tome vacina contra hepatite B e HPV

O câncer de fígado pode ocorrer por meio da infecção pelo vírus da hepatite B e o HPV pode causar câncer de pênis, de cavidade oral, garganta e de canal anal, além do câncer de colo de útero. Por isso, esteja em dia com as vacinas.

Evite exposição à radiação

A radioatividade pode causar danos ao DNA das células, aumentando o risco de desenvolver tumores.

Consulte regularmente o médico

O diagnóstico precoce aumenta as chances de cura. “Quanto mais pessoas entenderem sobre câncer e se conscientizarem da importância da prevenção e diagnóstico precoce, maiores as chances de cura”, ressalta a especialista.