Musical Constellation revive os anos dourados do Rio de Janeiro

Por Patricia Machado em 21/08/2015

Depois de uma temporada de seis meses na capital carioca e mais de cem apresentações, a peça Constellation – Uma Viagem Musical Pelos Anos 50 aterriza em São Paulo e convida o público para fazer uma viagem no tempo e reviver os anos dourados do Rio de Janeiro.

+ Os melhores teatros do Brasil

O musical se passa no ano de 1955, em Copacabana. Na época, a Varig acabava de comprar uma aeronave para inaugurar a rota aérea entre o Rio de Janeiro e Nova Iorque. Moderno e luxuoso, o avião chamado Super Constellation G, que inspira o nome da peça, reduziu o tempo de voo de 72 horas para apenas 20 horas.

constellation foto 6

O musical revive os anos dourados do Rio de Janeiro / Crédito: Caio Gallucci

A novidade mudou os hábitos da sociedade carioca, que vivia sua época de ouro, encantando celebridades internacionais e lançando tendências pelo Brasil. Nesse cenário, a peça conta a história da jovem Regina Lúcia, interpretada pela atriz e cantora Jullie, que sonha em conhecer os Estados Unidos. Ela decide participar de um concurso da Rádio Nacional que irá sortear uma passagem para Nova Iorque no voo inaugural do Super Constellation G.

constellation foto 7

A jovem Regina Lúcia, interpretada pela atriz e cantora Jullie, sonha em conhecer os Estados Unidos / Crédito: Caio Gallucci

Dirigida por Jarbas Homem de Mello e com texto de Cláudio Magnavita, a peça, que levou três meses para ser produzida, faz uma nova montagem do espetáculo que estreou pela primeira vez há doze anos.

Sob direção musical de Beatriz De Luca e coreografias de Vanessa Guillén, o elenco de nove atores leva ao público um repertório com 16 canções clássicas americanas da década de 1950, como Only You, Blue Moon, Stand by Me.

Para embarcar nessa viagem, veja alguns vídeos do musical:

Local: Teatro Espaço Promon

Bilheteria: (11) 4003-1212. De quarta a domingo, das 14h às 20h

Temporada: 1/8 até 27/9

Horário: Quinta e sexta às 21h, sábado às 19h e 21h30, e domingo, às 18h

Preço: R$ 120 (quinta, sexta e domingo) e R$ 150 (sábado). Há meia entrada