Cinco dicas para vencer a timidez

Por Patricia Machado em 17/08/2015

Todo mundo já passou, pelo menos uma vez na vida, pela terrível situação de ouvir os pais falarem: “Filho, vai lá conversar com o amiguinho novo”. Não é verdade? A situação por si só já é constrangedora, mas ela consegue ser ainda pior se você for uma pessoa tímida.

+ 7 hábitos comuns de pessoas bem-sucedidas

Nessas horas, a mão começa a suar, o coração dispara e, durante o trajeto até o novo amiguinho, você pensa inúmeras vezes sobre o que vai falar ou perguntar a ele. O melhor (ou pior) dessa história é que, na maioria das vezes, o que você planejou dá errado e você precisa improvisar.

A timidez é considerada o sofrimento pela exposição ao julgamento alheio, fazendo as pessoas ficarem vermelhas e se enrolarem em diversas situações.

+ Cientista lista os 8 livros que toda pessoa inteligente deveria ler

+ Dez livros indispensáveis para quem quer ficar rico

Embora não seja considerada uma doença do ponto de vista clínico, a timidez é um problema de segurança emocional. “A timidez pode ser vencida com a percepção de que o mundo não é o seu inimigo”, diz a psicoterapeuta e líder-coach Maura de Albanesi.

Para ajudar aqueles que querem superar a timidez, a psicoterapeuta reuniu cinco dicas valiosas e que podem ser facilmente colocadas em prática. Dê uma olhada:

  • Compreenda que somos todos diferentes

É importante compreender que cada pessoa tem as suas própria manias e opiniões. Dessa maneira, somos seres humanos únicos e diferentes. “Normalmente, o tímido se espelha em quem quer ser, mas o belo da vida e das pessoas são as características individualizadas”, explica a médica.

  • Você não é o centro das atenções

“Inconscientemente, todo tímido é orgulhoso e acha que, assim que adentrar um lugar, todos vão parar o que estão fazendo e olhar para ele”, diz a psicoterapeuta. Caso você se sinta assim, lembre da dica da doutora: “Isso não acontece! Relaxe!”

  • O mundo não é seu inimigo

O temidos micos ou situações de desconforto acontecem com todo mundo, inclusive com que é tímido. Por isso, não tenha medo de enfrentar essas situações e não ache que o mundo é o seu inimigo. “Por mais que você ache que sim, as pessoas não estão ali para te atacar ou te ridicularizar, elas buscam trocar experiências”, explica Maura.

  • Não exija a perfeição

O tímido tem como característica desejar ser o melhor em todas as situações, mas o nervosismo lhe atrapalha. De acordo com a psicoterapeuta “basta ser você mesmo, o que já é excepcionalmente incrível”.

  • Permita-se falar a primeira coisa que lhe vier à mente

A ideia pode parecer um tanto maluca e até difícil de ser executada para aqueles que se consideram tímidos, mas essa dica pode ajudar muita gente a deixar a timidez de lado. “Quanto menos você pensar nas reações dos outros, melhor. Até porque elas são meras invenções da sua cabeça”, explica a psicoterapeuta.