Cientista desenvolve substância para produzir bebida que não causa ressaca

Por Patricia Machado em 28/09/2016

Quem gosta de tomar alguns drinques nos finais de semana ou mesmo depois do trabalho sabe que, por mais tentador que seja, é preciso manter a linha e evitar excessos. Caso contrário, será necessário lidar com a indisposição e dor de cabeça causados pela ressaca.

+ Propaganda aumenta o consumo de bebida alcoólica entre adolescentes, alerta estudo

+ Estudo revela que jovens estão trocando refeições por bebidas alcoólicas

Para evitar esse tipo de mal-estar, mas ainda assim desfrutar dos prazeres proporcionados pela bebida alcoólica, o cientista químico David Nutt desenvolveu uma substância capaz de simular os efeitos positivos do álcool.

O cientista conduziu uma extensa pesquisa com seus colegas de trabalho na universidade Imperial College London, na Inglaterra. A substância batizada de alcosynth não causa dor de cabeça, náuseas e a sensação de boca seca ao mesmo tempo que também não agride o fígado.

Para chegar à substância encontrada, o grupo de pesquisadores estudou como as bebidas alcoólicas agiam no cérebro humano. A partir daí, eles começaram a analisar diferentes compostos que fossem capazes de produzir reações semelhantes, mas que evitassem os malefícios causados pelos drinques.

A expectativa é que o alcosynth seja testado para fins comerciais e que, até 2050, a substancia substitua o álcool convencional.

“A relação entre o álcool e o cérebro já é bem compreendida há 30 anos. Sabemos onde os efeitos positivos do álcool são mediados no cérebro e podemos imitá-los. E, se não mexer nas áreas ruins, também não temos os efeitos ruins”, contou David à BBC.

Foto: Getty Images