Dicas de ambientes para conhecer na Casa Cor 2017

Por Redação Apontador em 24/05/2017

Até o dia 23 de julho, acontece no Jockey Club, em São Paulo, a 31ª edição da Casa Cor. Considerado um dos maiores eventos de decoração, a Casa Cor 2017 conta com 69 ambientes montados por importantes nomes da arquitetura, decoração, design e paisagismo do país.

+ Seis erros que você provavelmente está cometendo na hora de organizar a casa

+ Sete ideias incríveis de decoração para casas pequenas

O tema desta edição é Foco no Essencial, o que permite que os profissionais convidados exercitem a criatividade e exibam projetos incríveis com ideias diferenciadas dentro desta temática, usando materiais de uma forma mais natural ou apostando em ambientes que funcionam como refúgios.

Por ser uma mostra de tendências, é sempre possível reunir algumas ideias de decoração para sua casa, independente do tamanho e do estilo que ela tem. Para você poder conhecer o que há de melhor no evento, o Viva Decora selecionou alguns ambientes que você não pode perder ao visitar a Casa Cor deste ano. Confira:

Sustentabilidade

Procurando conquistar o selo AQUA- HQE, que é uma certificação internacional para a construção sustentável, o evento está apostando na sustentabilidade. Nesta edição, a Casa Cor se comprometeu a diminuir o uso de água e resíduos da montagem. Além disso, o evento montou a Casa Sustentável, assinada pela arquiteta Mariana Crego, que, para obter o selo, projetou uma horta de plantas nativas e inseriu um sistema de reaproveitamento de água de chuva e placas para aproveitamento da energia solar. A preocupação também esteve presente na escolha dos eletrodomésticos que compõem o espaço.

Casa Sustentável projetada por Mariana Crego

Casa Sustentável – projetada por Mariana Crego

Já o Jardim Deca, projetado por Alex Hanazaki, conta com uma parede d’água feita com 33 duchas de teto, onde existe um sistema que reaproveita a água usada. O efeito produzido pelo profissional é incrível e não há nenhum tipo de desperdício. A instalação ainda aposta em  louças de banheiro que poderiam ser descartadas.

Jardim Deca criado por Alex Hanazaki

Jardim Deca – criado por Alex Hanazaki

Gastronomia

Os espaços de alimentação, mais uma vez, merecem a visita na Casa Cor. Assinado pela arquiteta Yara Cianci, especialista em projetos de cozinhas, a Casa do Chef é um ambiente perfeito para você se inspirar e ter ideias para a integração de ambientes. O objetivo deste projeto é que o cozinheiro fique perto dos convidados enquanto prepara a comida. Esse espaço tem uma agenda para receber atividades como aulas com chefs renomados, jantares exclusivos e degustações.

Casa do Chef projetado por Yara Pat

Casa do Chef – projetado por Yara Pat

Quem estiver visitando a mostra e quiser dar uma paradinha para comer poderá conhecer o bar, a boulangerie e os restaurantes do evento. Além de um cardápio diferenciado, os espaços são decorados com ideias que podem fascinar o visitante.

Restaurante criado por Patrizia Genoveze e Guilherme Longo

Restaurante – criado por Patrizia Genoveze e Guilherme Longo

Novos talentos

Além de conhecer o trabalho de profissionais renomados e veteranos da Casa Cor, também é importante ficar de olho nos jovens arquitetos que estreiam no evento. Lucas Coelho, por exemplo, foi selecionado pela Deca como talento revelação em um concurso com mais de cinco mil participantes. No evento, ele mostra o seu projeto para um lavabo.

casa cor - imagem 6 - viva decora

Lavabo – projetado por Lucas Coelho

Outra revelação desta edição é a equipe Sopro, formada por Alan Freitas, Ana Dora e Breno Felisbino, que foi vencedora do concurso Archathon Casa Cor. Durante a maratona, eles foram desafiados a criar um projeto em poucas horas para o espaço Café do Saber, que é um ambiente de coworking para receber aulas e cursos ministrados pelo Instituto Europeu de Design (IED).

Café do Saber projetado pela equipe Sopro

Café do Saber – projetado pela equipe Sopro

  • Onde? Jockey Club
  • Quando? De 23/5 até 23/7. De terça a domingo, das 12h às 21h
  • Quanto? R$ 56 (de terça a quinta) e R$ 70 (de sexta, sábado, domingo e feriados). O passaporte único custa R$ 165. Há meia-entrada

Por Raquel Godoy, redatora do blog Viva Decora / Fotos: Viva Decora