Como escolher o modelo ideal de ar-condicionado?

Por Redação Apontador em 22/08/2017

O verão ainda não chegou, mas o inverno pode ser uma das melhores épocas do ano para adquirir um ar-condicionado. Afinal, a procura pelo aparelho ainda não é grande e é possível encontrar opções com bons preços. Mas, antes de comprar o seu item, é necessário conhecer as particularidades dos diversos modelos de ar-condicionado que estão disponíveis no mercado.

+ Como transformar os cômodos em espaços mais aconchegantes? 

+ Piso de porcelanato: como escolher e onde usar

Normalmente, os fabricantes oferecem um software que, através de diversos cálculos, mostra o modelo ideal para a sua necessidade. Basicamente, a taxa de um ar-condicionado é 12 mil BTU/hora para refrescar um ambiente de 20m². Entretanto, para chegar ao conforto térmico, é necessário considerar o número de pessoas e aparelhos eletrônicos que ficam no ambiente. Isso é importante para verificar se as instalações elétricas da residência conseguirão comportar a carga do ar-condicionado e evitar um consumo de energia desnecessário.

Principais modelos de ar-condicionado

O modelo de ar-condicionado split é um dos mais utilizados, principalmente pela sua estética e por fazer menos barulho. Já o modelo split cassete pode ser instalado no forro ou no teto, enquanto o split piso-teto é indicado para ambientes grandes e espaços comerciais.

Também é possível encontrar no mercado o modelo split de quatro lados, que possui quatro saídas de ar para melhorar a distribuição uniforme do ar pelo ambiente.

O ar-condicionado de janela é perfeito para ambientes pequenos, pois são mais compactos. Entretanto, ele é instalado em um buraco na parede e parte dele fica para fora do imóvel. Em apartamentos novos, eles são instalados na varanda para não comprometer a estética do prédio.

Independentemente do modelo de ar-condicionado escolhido, é necessário que a instalação seja feita por um profissional capacitado

O ar-condicionado portátil é bastante prático, pois não exige instalação e pode ser levado para diferentes ambientes. Já o ar-condicionado central, conhecido também por dutado, é indicado para ambientes grandes e que possuem muitas fontes de calor, como fábricas e grandes escritórios comerciais.

Independentemente do modelo de ar-condicionado escolhido, é necessário que a instalação seja feita por um profissional capacitado. Isso diminui a incidências de vazamentos e infiltrações, que afetam negativamente a estrutura e geram mofo, por exemplo.

Dicas para utilizar o ar-condicionado de maneira correta

  • Não obstrua a saída e entrada de ar do aparelho com objetos ou móveis. Dessa forma, o aparelho trabalhará melhor a climatização
  • Deixe as portas e janelas fechadas durante o uso do ar-condicionado e desligue o equipamento sempre que sair do local
  • Mantenha os filtros limpos, pois a sujeira atrapalha a eficiência do equipamento

Por Bianca Alvarenga, do blog Viva Decora / Fotos: Viva Decora