O que checar no carro antes de pegar a estrada?

Por Mariana Castro em 12/06/2017

Viajar é uma das melhores formas de aproveitar o final de semana. Para quem vai de carro, entretanto, mais importante do que arrumar as malas é fazer uma revisão no automóvel. Isso garantirá a segurança dos passageiros e evitará acidentes nas estradas.

+ O que é o seguro auto-popular?

+ Como fazer a revisão do carro para as férias?

“Viajar de carro pode ser uma grande aventura ou uma enorme dor de cabeça. Após a verificação, fica mais fácil evitar surpresas desagradáveis no meio do caminho”, comenta Leandro Vanni, especialista da DPaschoal, rede de serviços automotivos. Por isso, a revisão de segurança tem como objetivo verificar o funcionamento das partes vitais do carro.

O que checar?

O primeiro ponto a ser observado é a bateria. Sua vida útil, bem como todo o sistema elétrico do carro, devem estar em ordem. O sistema de freios é outro componente que precisa de atenção redobrada por parte do condutor. “Durante uma revisão de segurança, você pode obter um diagnóstico do estado real das pastilhas e do disco de freio. Na estrada, o motorista deve estar sempre atento ao painel eletrônico do veículo”, explica Leandro.

No caso dos pneus, é importante verificar as condições e a calibragem antes de viajar, aumentando a pressão em mais duas ou três libras, inclusive do estepe. As palhetas do para-brisas também devem ser testadas. “Além disso, é imprescindível verificar se as lâmpadas do veículo estão funcionando e reguladas para não comprometer o campo de visão do motorista e nem atrapalhar os condutores quem vem no sentido contrário”, afirma o especialista.

+ Seis dicas para economizar combustível em viagens de carro

De acordo com o engenheiro, outro ponto importante a se checar é o alinhamento da suspensão e o balanceamento das rodas. “O funcionamento adequado desses sistemas são mais do que necessários. Por isso, observe com atenção se existem vibrações ao volante. Nesse caso, pode ser que uma roda esteja desbalanceada ou com a direção desalinhada”, orienta Leandro. Atente-se também ao pneu cantando, que pode indicar desalinhamento. Rangidos, batidas secas ou ruídos que se assemelham a algo frouxo podem ser sinal de problemas.

Durante uma viagem, os problemas de superaquecimento são os que mais deixam os motoristas na mão. Portanto, o sistema de arrefecimento deve ser verificado antes de pegar a estrada. É importante checar as mangueiras, a situação da água do radiador, os interruptores, as válvulas e a bomba d’água. Não se esqueça, ainda, de conferir se o triângulo, a chave de roda e o macaco estão dentro do carro e funcionando corretamente. Quanto ao extintor de incêndio, ele deve estar na parte da frente do carro e dentro do prazo de validade.

Foto: Getty Images