Pedestres e ciclistas que cometerem infrações serão multados a partir de 2018

Por Patricia Machado em 27/10/2017

Pedestres e ciclistas deverão redobrar a atenção ao trafegar pelas ruas das cidades a partir do ano que vem. Isso porque o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) publicou uma resolução que definiu as regras para a aplicação de multas para pedestres e ciclistas que andarem fora das áreas permitidas. A medida, no entanto, começará a valer em 180 dias.

+ Como prolongar a vida útil dos pneus?

+ Como limpar o carro corretamente?

A ideia de punir pedestres e ciclistas que não respeitarem as regras de trânsito é antiga. Isso estava previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), de 1997. No entanto, não havia uma regulamentação sobre o tema.

De acordo com as novas regras, o pedestre que ficar no meio da rua ou atravessar fora da faixa, da passarela ou passagem subterrânea será multado. O valor da infração é de R$ 44,19. Já os ciclistas que andarem em locais em que a circulação não é permitida ou guiarem de forma agressiva serão autuados e pagarão uma multa no valor de  R$ 130,16. Além isso, a bicicleta poderá ser removida.

O agente de trânsito que testemunhar a infração deverá preencher um documento chamado de Auto de Infração, que também poderá ser eletrônico. Entre as informações, ele deverá revelar o nome completo, documento de identificação e, quando possível, o endereço e o CPF do infrator.

Foto: Getty Images