Carros

Oito motivos para você cuidar do estepe do carro

Oito motivos para você cuidar do estepe do carro

A maioria das pessoas tem ciência de que os pneus são essenciais para manter a segurança e o conforto ao conduzir um veículo. No entando, quando se trata do estepe, item obrigatório nos carros, a história pode ser um pouco diferente. Nem todos os motoristas têm os cuidados devidos com o acessório que, normalmente, acaba caindo no esquecimento.

+ 6 sinais de que está na hora de vender ou trocar de carro

Para evitar surpresas, Carlos Molina, diretor do e-commerce KD Pneus, dá oito motivos para você cuidar do estepe do carro. Confira dicas importantes de como conservá-lo e manter a sua manutenção em dia.

1. Território internacional

Para aproveitar melhor o roteiro e economizar com passagens, muitas pessoas têm optado por viajar de carro inclusive para países que fazem fronteira com o Brasil. Como essas viagens costumam ser longas, é essencial que o estepe esteja em boas condições.

“As leis brasileiras não permitem que os veículos circulem com pneus comprados fora do país, por isso é essencial que você realize a manutenção ou a troca antes de viagens mais longas”, explica Molina. Com a fiscalização cada vez mais dura, quem trouxer equipamentos automotivos de outros países pode ser punido, e carros com pneus estrangeiros correm o risco de serem apreendidos.

2. Calibragem

Mesmo sendo pouco utilizados, os estepes precisam ser calibrados. O diretor da KD Pneus conta que, para compensar o tempo que eles ficam parados na reserva, é necessário que a pressão seja a mesma utilizada em todos os pneus do carro.

Quando os pneus não são bem conservados, há mais risco de rompimento e, consequentemente, de ocorrer algum acidente durante o percurso. Além disso, eles sobrecarregam a suspensão, causando um desgaste excessivo e aumentando o consumo de combustível para que o automóvel mantenha o desempenho usual.

3. Tamanho do aro

Ao trocar a roda do seu automóvel, é preciso ficar atento às medidas e ajustar o jogo de pneus para que fiquem compatíveis com o aro atual. Isso também deve ser feito com o estepe. Ele precisa ter o encaixe ideal para evitar desgastes na suspensão, na geometria e no próprio pneu.

4. Tamanho do pneu

Por questão de economia e por não ser um item muito utilizado, muitas pessoas optam por um estepe menor do que o tamanho dos pneus utilizados constantemente no veículo. Apesar de ser uma saída para quem procura uma maneira mais barata de estar dentro da lei e ter um reserva sempre à disposição, a diferença de tamanho limita o uso do automóvel. Segundo Molina, não é indicado andar em altas velocidades nestas condições e nem durante muito tempo.

5. Parafuso

Conservar os pneus também depende da maneira como eles estão instalados — e com os estepes acontece a mesma coisa. “Se você trocou as rodas de liga leve por rodas de aço, por exemplo, é necessário mudar todos os parafusos de acordo com as especificidades das rodas novas para que não haja nenhum dano no funcionamento do veículo e nos pneus”, explica o diretor.

6. Danos

É preciso ficar sempre atento às condições do estepe, pois quando acontece algum acidente e é preciso usá-lo. Assegure-se de que o pneu reserva não esteja com danos, como cortes, bolhas ou torturas, e possa atender às necessidades daquele momento com segurança.

7. Pneu careca

Os sulcos são frisos que mostram o quanto da borracha já foi desgastada e se o pneu está careca ou não. Eles devem estar sempre de acordo com as especificidades de segurança. A determinação do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) é que eles apresentem profundidade mínima de 1,6 milímetro de profundidade. Caso eles estejam em condições inadequadas, o motorista pode ser multado.

8. Prazo de validade

Os cuidados com os pneus não dizem respeito apenas à sua conservação e ao uso consciente. A preocupação vai além, já que qualquer produto tem um prazo de validade. No caso dos pneus, a média é de cinco anos — até mesmo para aqueles que são pouco utilizados, como os estepes.

Essa é uma informação crucial para a segurança na direção, pois, de acordo com Molina, “independentemente do estado em que o item se encontra, mesmo se tratando dos mais conservados, ele deve ser substituído assim que alcançar o prazo de validade contido em sua embalagem. Assim, ele não vai oferecer qualquer tipo de risco às pessoas e nem sobrecarregar outras partes do veículo”.

Carros

Mais em Carros

toyota - divulgacao

Toyota financiará carro voador desenvolvido por seus funcionários

Mariana Castro24/05/2017
electroad - reproducao

Estrada que carrega veículos elétricos é testada em Israel

Mariana Castro23/05/2017
showroom singapura - divulgacao

Concessionária inova e vende carros de luxo em máquina de quinze andares

Mariana Castro18/05/2017
pneus que se movem - reproducao

Motorista cria pneus que se movem para todos os lados no Canadá

Patricia Machado15/05/2017
cnh ganha qr code - divulgacao

CNH passa a ter código QR-Code para evitar fraudes e falsificações

Patricia Machado10/05/2017
uber taxi aereo - divulgacao

Uber lançará táxi aéreo até 2020

Mariana Castro08/05/2017
Happy customer just bought a car

Ford cria projeto para achar o cheiro de “carro novo” perfeito

Mariana Castro04/05/2017
pneu que nao precisa ser inflado - imagem 1 - divulgacao

Empresa lança pneu para bicicleta que não precisa ser inflado

Patricia Machado02/05/2017
Aerial View of Marginal Tiete, Sao Paulo, Brazil

Motos não poderão circular na pista central da Marginal Tietê à noite

Patricia Machado28/04/2017
pista de kart - divulgacao

Navio de cruzeiro terá pista de kart da Ferrari

Mariana Castro28/04/2017
Driver sitting in his bus

Cansaço e assaltos são os principais problemas para motoristas de ônibus, mostra pesquisa

Mariana Castro03/04/2017
vespa mais antiga do mundo - imagem 1 - reproducao

Vespa mais antiga do mundo será leiloada na Itália

Patricia Machado28/03/2017
Teddy

Número de mortes por atropelamento cresce 46% em São Paulo, aponta estudo

Patricia Machado27/03/2017
woman using navigation on mobile smartphone

Waze vai lançar serviço de caronas no Brasil

Mariana Castro26/03/2017
In troubles - unhappy woman in car

Pesquisa mostra que mais de 80% dos brasileiros já sentiram sono na estrada

Mariana Castro26/03/2017