Games aproximam casais e contribuem para os relacionamentos

Por em 17/06/2016

Quem diria que Mario, além de salvar a princesa, também poderia salvar relacionamentos? Pois é! De acordo com uma pesquisa da Kelton Research, encomendada pelo portal Game Crazy, games aproximam casais e ajudam nos relacionamentos.

+ Pesquisa garante: Os opostos não se atraem

De acordo com o conselheiro de relacionamentos, Rachel Sussman, e maravilhoso quando um casal compartilha de um hobby. “Quanto mais eles têm em comum, mais eles se sentem envolvidos um pelo outro”.

O especialista no universo dos games Raphael Braga, diretor de produto da REDZERO, rede de escolas de game e entretenimento digital, também concorda com a premissa da pesquisa. “Casais que jogam juntos se dão bem porque acabam desenvolvendo uma grande cumplicidade. Além disso, há a motivação de fazer juntos algo que interesse aos dois”, opina.

+ Casais impulsivos são mais felizes, diz pesquisa

Os games ainda ajudam a descarregar a tensão naqueles momentos difíceis do relacionamento. “O casal pode ter uma briga boba, mas ao invés de discutir, pode partir para um duelo de luta no melhor estilo DC x Marvel”, brinca o especialista.

A telinha pode até mesmo ajudar a manter as coisas quentes mesmo quando seu parceiro não está por perto.

Elyssa Cusimano, uma editora de filmes, diz que os games salvaram seu relacionamento quando ela e seu parceiro moravam longe um do outro. Embora ela nunca tivesse jogado nada, o namorado lhe presenteou com um Xbox para que eles pudessem jogar juntos. Logo, o jogo (mais precisamente o GTA 4) os mantinha conectados, embora eles estivessem a milhas de distância.

+ Jogo dá dicas para se exercitar durante o sexo

Hoje, eles vivem felizes na mesma cidade, onde podem jogar sentados ao lado um do outro. Eles ainda marcam encontros no GTA — só que agora eles podem roubar beijos reais entre os roubos de carros virtuais.