Ambas as partes sofrem com o fim do namoro, revela pesquisa

Por Patricia Machado em 29/08/2016

Levar um fora e descobrir que a pessoa amada quer terminar o relacionamento é sempre um momento difícil e super delicado. Os dias não passam e são marcados por choro e muito sorvete. Além disso, quem foi dispensado sempre acha que o “ex” já superou o término e que está pronto para seguir adiante. Pois bem, engana-se quem pensa assim — ou pelo menos é o que diz a ciência.

+ Games aproximam casais e contribuem para os relacionamentos

+ Descubra as palavras que você deve usar para se dar bem em sites de relacionamento

Uma pesquisa publicada no Journal of Positive Psychology descobriu que ambas as partes sofrem com o fim do namoro: tanto quem decide terminar o relacionamento como quem acaba levando o fora sofre com o ocorrido. Além disso, ambos precisam do mesmo tempo para se recuperar e dar continuidade à sua vida sentimental.

Os cientistas ouviram a opinião de 1.404 universitários entre 18 e 25 anos. A ideia era analisar quanto tempo as pessoas precisavam para superar o fim do namoro. Ao verificarem os resultados, eles constaram que 71% dos voluntários precisavam de onze semanas (cerca de três meses) para entenderem o término e se sentirem bem para encarar um novo relacionamento.

A pesquisa também revelou que o período de três meses é necessário para que os ex-namorados possam analisar a antiga relação e processar o que acabou acontecendo. Os voluntários disseram que, durante esse tempo, eles aprenderam sobre si mesmos e conseguiram definir melhor o que procuravam em um parceiro.

Foto: Getty Images