Saúde e Bem-Estar

Uso do Facebook pode estar associado à longevidade, aponta pesquisa

Uso do Facebook pode estar associado à longevidade, aponta pesquisa

Os fãs do Facebook terão mais um motivo para continuar apaixonados pela rede social. Uma nova pesquisa constatou que os usuários do Facebook podem viver mais do que as pessoas que não usam a ferramenta constantemente.

+ Checar redes sociais com frequência ao longo do dia atrapalha o sono, diz estudo

+ Quantas amizades verdadeiras você tem na sua rede social? Uma nova pesquisa tem a resposta

A pesquisa foi realizada por sociólogos da Universidade da Califórnia em San Diego, nos Estados Unidos, e envolveu 12 milhões de usuários do Facebook que nasceram entre 1945 e 1989. Os cientistas analisaram o estado de saúde desses usuários e estudaram os hábitos deles na rede social ao longo de seis meses.

Ao final do estudo, eles constataram que as pessoas que utilizavam o Facebook com frequência para reforçar as amizades que tinham na vida real tinham um risco de mortalidade 12% menor do que aqueles que nasceram no mesmo ano e que não usavam a rede social.

“Felizmente, para quase todos os usuários do Facebook, nós encontramos uma correlação entre o uso moderado do Facebook e um menor risco de mortalidade”, disse James Fowler, um dos autores do estudo, ao Daily Mail.

A pesquisa, no entanto, ainda não conseguiu determinar por que a rede social é capaz de influenciar na longevidade, mas os cientistas envolvidos no projeto acreditam que a resposta esteja na teoria desenvolvida pela socióloga Lisa Berkman, em 1979, que defende que as pessoas com vínculos sociais fortes têm uma expectativa de vida mais longa.

O estudo foi divulgado no periódico Proceedings of the National Academy of Sciences.

Foto: Getty Images

Mais em Saúde e Bem-Estar

young woman runner running on city bridge road

Exercícios de alta intensidade têm o mesmo efeito que atividades moderadas, diz estudo

Mariana Castro18/01/2017
makeup artist glues false eyelashes

Maquiagem nos olhos pode favorecer o surgimento de terçol

Redação Apontador18/01/2017
bebida alcoolica e aumento de apetite - getty images

Consumir bebida alcoólica aumenta o apetite, comprova estudo

Patricia Machado18/01/2017
Sick

Como diferenciar os sintomas da dengue, zika e chikungunya

Carolina Romanini17/01/2017
Mexican chili con carne in a pan on a wooden

Comida apimentada pode reduzir o risco de morte, aponta pesquisa

Mariana Castro16/01/2017
portrait of happy young business man at office

Levantar durante o trabalho ajuda a queimar calorias, diz estudo

Patricia Machado16/01/2017
Salt spilling on table from salt cellar

Reduzir o consumo de sal poderia salvar milhões de vidas, aponta estudo

Patricia Machado16/01/2017
Feeling sick and tired.

Pesquisa descobre como o estresse aumenta o risco de doenças cardiovasculares

Mariana Castro15/01/2017
Woman meditating in the lotus position closeup

Meditação, Reiki e musicoterapia serão oferecidos pelo SUS

Patricia Machado13/01/2017
medium roast steak

Consumir carne vermelha em excesso pode causar doença intestinal, diz estudo

Mariana Castro13/01/2017
bonecas de proposito - reprodução

Aposentada cria bonecas terapêuticas para confortar crianças internadas

Mariana Castro13/01/2017
Boy using digital tablet while lying on rug at home

Uso excessivo de dispositivos móveis pode causar problemas de visão em crianças, diz estudo

Patricia Machado12/01/2017
projeto acucar - capa - reproducao

Projeto mostra a quantidade de açúcar em produtos industrializados

Patricia Machado11/01/2017
tired woman runner taking a rest after running hard

Fazer exercícios apenas no final de semana pode ser bom para a saúde, diz pesquisa

Mariana Castro11/01/2017
Woman smoker smoking a filter tip

Tabagismo deve causar a morte de 8 milhões de pessoas por ano até 2030, diz estudo

Patricia Machado10/01/2017