Saúde e Bem-Estar

Uma hora de sono após o almoço pode rejuvenescer o cérebro, diz pesquisa

Uma hora de sono após o almoço pode rejuvenescer o cérebro, diz pesquisa

É quase impossível não sentir aquele sono arrebatador logo após o almoço, não é mesmo? Para não atrapalhar a produtividade, muitos tomam uma boa dose de café ou até conversam com os seus colegas para se manterem acordados durante essas horas. Mas, um novo estudo realizado na China revelou que o segredo para melhorar o rendimento durante a tarde pode estar justamente em tirar uma soneca depois da refeição.

+ Descubra os benefícios do cochilo

+ Sintomas que podem indicar problemas na tireoide

Os pesquisadores descobriram que dormir após o almoço pode rejuvenescer o cérebro, fazendo com que ele fique até cinco anos mais jovem. Para obter esses resultados, o cochilo deve ser de uma hora. Isso significa que os resultados serão comprometidos caso a pessoa durma menos ou mais do que 60 minutos.

O estudo envolveu cerca de três mil chineses maiores de 65 anos. Dos participantes, 60% relataram dormir entre 30 e 90 minutos após o almoço. Eles tiveram que solucionar problemas de matemática e testes de memória para avaliar a sua capacidade cognitiva. Os resultados revelaram que pessoas que tiravam um cochilo de 60 minutos após o almoço se saíram melhor nos testes, em comparação com os que não dormiam.

Na verdade, aqueles que não dormiam obtiveram resultados semelhantes aos que dormiam menos ou mais do que uma hora. Todos eles apresentaram uma redução em suas habilidades cognitivas quando comprados com as pessoas que cochilavam por 60 minutos. “O declínio detectado em suas habilidades mentais corresponde ao que um aumento de cinco anos na idade seria capaz de causar”, contou Junxin Li, autor do estudo, ao Daily Mail.

Os resultados encontrados pela pesquisa foram publicados no periódico Journal of the American Geriatrics Society.

Foto: Getty Images

Mais em Saúde e Bem-Estar

camisa sonora - imagem 3 - reproducao

Camisa tecnológica permite que deficientes auditivos “sintam” músicas clássicas

Mariana Castro26/05/2017
Tired man being overloaded at work

Dormir pouco pode afetar a aparência e arruinar a vida social das pessoas, diz estudo

Mariana Castro24/05/2017
HIV blood sample

Anvisa registra primeiro teste rápido para detecção do HIV

Patricia Machado23/05/2017
Woman sitting curled up

Ansiedade não controlada pode evoluir para sérios transtornos psicológicos

Mariana Castro23/05/2017
young woman sitting on couch and blowing nose

Problemas respiratórios aumentam as chances de infarto, diz pesquisa

Mariana Castro22/05/2017
Looking in mirror

França aprova lei que proíbe modelos extremamente magras

Mariana Castro22/05/2017
Hand Holding Small Marijuana Leaf with Cannabis Plants in Background

Anvisa reconhece Cannabis sativa como planta medicinal

Mariana Castro18/05/2017
Young woman picking her nails

Ansiedade: entenda o transtorno, sintomas e tratamentos

Mariana Castro16/05/2017
Fitness female athlete lifting weights in gym

Falar palavrões durante atividades físicas deixa as pessoas mais fortes, revela pesquisa

Mariana Castro12/05/2017
Pink breast cancer awareness ribbon in hand

Estudantes criam sutiã capaz de detectar sinais de câncer de mama

Mariana Castro11/05/2017
Woman hands holding cigarette outdoor.

Cigarro estimula produção de enzima que entope as artérias, conclui pesquisa

Mariana Castro10/05/2017
aula de cochilo - reproducao

Academia oferece aula de cochilo para queimar calorias e aliviar estresse

Mariana Castro09/05/2017
Close up of massage shoulder

Fazer massagem pode ser tão bom para o bem-estar quanto receber, revela estudo

Mariana Castro05/05/2017
Beautiful woman using mascara in bathroom

Dicas para manter os cílios fortes e saudáveis

Patricia Machado03/05/2017
Tired woman with tea in kitchen

Dormir muitas horas seguidas não compensa o ‘sono acumulado’, afirma pesquisa

Mariana Castro02/05/2017