Maquiagem vencida pode causar danos e alergias na pele

Por Patricia Machado em 15/09/2016

Poucas são as mulheres que não usam maquiagem. Afinal, é quase impossível resistir aos produtos de beleza que deixam a pele uniforme e cobrem algumas imperfeições do rosto. No entanto, a falta de cuidado e a má conservação da maquiagem podem causar danos e alergias na pele.

+ Faz mal espremer espinhas?

+ Sexo faz bem para a pele, dizem especialistas

O principal erro cometido pelas amantes de maquiagem é utilizar cosméticos que já perderam o prazo de validade – porque parte o coração jogar um produto que geralmente custou caro antes de terminá-lo. Quando isso acontece, os ativos da fórmula e os conservantes adicionados acabam perdendo sua finalidade e podem sofrer oxidação.

“O produto que está fora do período de validade deixa de fazer efeito e ainda aumenta a possibilidade de contaminação”, explica Régia Ribeiro, dermatologista da Hapvida Saúde, empresa de plano de saúde que atual na região norte e nordeste. “Os cosméticos são um ótimo espaço para a proliferação de fungos e bactérias e os conservantes são colocados na fórmula para evitar este problema. Por isso, é tão importante estar atento à validade”, explica a médica.

Uma maquiagem vencida pode causar alergias, coceiras, vermelhidão, inchaço, descamações e, em casos mais críticos, pode aparecer bolhas e queimaduras na pele. “Quanto aos cosméticos para a região dos olhos, existe risco de conjuntivite e até infecção na córnea”, alerta a dermatologista. E, se não houver cuidado, o problema pode evoluir, com necessidade de tratamento com antibióticos.

Para evitar riscos, além de verificar a validade do produto, o consumidor deve saber que existe uma margem de segurança de duas semanas, em média, para o desuso do mesmo. A partir daí, a dica é jogar fora e investir em uma nova make.

Cosmético dentro da validade pode estragar?

Pode parecer estranho, mas produtos dentro do prazo da validade também estragam. Isso ocorre porque, às vezes, a embalagem não é bem fechada, é guardada em lugar inadequado ou, ainda, porque houve a contaminação por bactérias que passam das mãos para o produto. Por isso, é recomendado estar atento a alguma modificação no aspecto, consistência, cor e cheiro do cosmético.

Além disso, algumas maquiagens podem proporcionar reações alérgicas por causa das substâncias em sua composição. “Ao utilizar um produto novo, deve-se colocar uma pequena quantidade no antebraço e aguardar por algumas horas. Repita por mais dois dias e, se não aparecer nenhum sinal de irritação, você pode usá-lo normalmente”, recomenda Régia.

Foto: Getty Images