Ler livros pode fazer você viver mais, conclui pesquisa

Por Mariana Castro em 04/08/2016

De Tolstói à Harry Potter, o universo da literatura é um dos mais ricos e apaixonantes. Poucas coisas superam o sentimento de finalizar um livro, a animação ao começar um novo e a sensação de folhear aquelas páginas cheias de histórias. E, a ciência traz boas novidades aos leitores: um estudo descobriu que ler pode fazer você viver por mais tempo.

+ Atualmente, netflix é mais importante que relacionamentos ou livros, de acordo com estudo

Os pesquisadores da Universidade de Yale, nos Estados Unidos, entrevistaram 3.635 pessoas com mais de 50 anos. Elas foram divididas em três grupos: as que não liam livros, as que liam até três horas e meia por semana e as que liam mais do que isso toda semana. O estudo revelou que os leitores mais ávidos eram mulheres de classe média alta e que haviam feito faculdade.

A pesquisa, publicada no jornal Social Science and Medicine, mostrou que pessoas que leem por mais de três horas e meia por dia correm um risco 23% menor de falecer nos próximos 12 anos. Já quem lê, no mínimo, meia hora por dia vive, em média, 2 anos a mais do que os que não têm o hábito da leitura.

+ Millennials leem mais livros do que gerações mais velhas, diz estudo

Ler jornais e revistas também influencia na longevidade, mas não tão expressivamente quanto os livros. Apesar disso, o estudo não explicou o motivo da leitura estar associada ao tempo de vida.

Foto: Thinkstock