Saúde e Bem-Estar

Estudo determina o tempo máximo de vida para os seres humanos

Estudo determina o tempo máximo de vida para os seres humanos

Com os avanços da medicina, a expectativa de vida tem se expandido cada vez mais, com registros de pessoas falecendo em idade avançada em diversos países. Mas, até quando é biologicamente possível viver? Um novo estudo revelou que o limite médio de vida é de 115 anos e que os seres humanos são incapazes de ultrapassar essa idade naturalmente.

+ Homens e mulheres nunca viveram tanto, conclui pesquisa

+ Ler livros pode fazer você viver mais, conclui pesquisa

O estudo analisou o caso da francesa Jeanne Calment, que viveu até os 122 anos e 164 dias e faleceu em 1997. Pesquisadores do Albert Einstein College of Medicine, nos Estados Unidos, acreditam que ela atingiu o tempo máximo de vida que alguém consegue usufruir. Isso, entretanto, é extremamente raro porque as chances de alguém viver até os 125 anos é de menos de uma em dez mil.

Para testar a teoria, eles estudaram o banco de dados internacional sobre longevidade, que registrou a idade de morte de pessoas de 41 países, entre 1968 e 2006. Os pesquisadores descobriram que as pessoas, de fato, têm vivido mais – mas, só até certo ponto. As perspectivas de sobrevivência tendem a diminuir a partir dos 100 anos.

+ Vida sexual ativa reduz a chance de problemas cardíacos em mulheres mais velhas, diz estudo

“Nós não podemos eliminar a possibilidade de um avanço que vai ampliar o tempo de vida mais para frente, mas este teria que ser diferente de tudo já visto antes”, disse Brandon Milholland, um dos autores do estudo, à AFP. Portanto, apesar da esperança que alguns têm de encontrar a fonte da juventude, os estudos mostram que a humanidade está se aproximando cada vez mais do limite natural da vida.

Foto: Getty Images

Mais em Saúde e Bem-Estar

Pain in abdomen

Depilar a região íntima aumenta o risco de contaminação por DSTs, aponta pesquisa

Patricia Machado08/12/2016
People celebrating

Abusar do álcool na adolescência afeta a memória, diz pesquisa

Patricia Machado08/12/2016
Choosing between apple and doughnut

Fazer diferentes dietas com frequência contribui para o ganho de peso, diz estudo

Mariana Castro08/12/2016
Male doctor checking mammography machine scan with patient woman

Dor nas mamas: quando é normal e quando é preciso investigar

Redação Apontador07/12/2016
A closeup of a woman doing yoga outside with two other women

Ioga se transforma em patrimônio da humanidade

Patricia Machado06/12/2016
Happy smiling child enjoys listens to music in headphones

Cientistas criam playlist capaz de reduzir a ansiedade e o estresse

Mariana Castro06/12/2016
The pregnant woman who has an examination

Maioria das mães brasileiras não planejava engravidar, aponta estudo

Patricia Machado05/12/2016
man in bed eyes opened suffering insomnia and sleep disorder

Dormir com raiva favorece a criação de memórias negativas, diz pesquisa

Mariana Castro05/12/2016
hands of Concerned Women for medical report written by doctor

Mitos e verdades sobre a endoscopia

Patricia Machado05/12/2016
Happy little girl outdoors

Falta de exposição à luz do dia contribui para o desenvolvimento de miopia, aponta estudo

Mariana Castro05/12/2016
HIV blood sample

Mais de 110 mil brasileiros têm o vírus do HIV e não sabem disso, aponta relatório

Patricia Machado01/12/2016
Selection of tropical fruits on white background

Laranja e abacaxi são os alimentos que contém mais agrotóxicos

Mariana Castro01/12/2016
Pretty Woman makes a choice between bad food

Coaching de emagrecimento é novidade para quem deseja perder peso

Carolina Romanini01/12/2016
Reassuring patient

Campanha mostra a importância da busca por informações corretas em casos de câncer

Patricia Machado01/12/2016
Fun old woman

Aumenta expectativa de vida do brasileiro, segundo IBGE

Redação Apontador01/12/2016