Divórcio conflituoso dos pais prejudica a saúde dos filhos até a idade adulta, diz estudo

Por Mariana Castro em 07/06/2017

O divórcio dos pais, por mais tranquilo que seja, costuma ser uma experiência traumática para as crianças. Segundo novos estudos, as consequências de uma separação conflituosa podem acompanhar os filhos até a idade adulta. Isso afetaria, inclusive, a saúde deles, em casos de pais que brigam e não se falam por anos.

+ Ausência do pai é prejudicial na criação de meninos e pode levar ao suicídio, diz especialista

+ Qual é a melhor idade para casar? Universidade diz que esse detalhe importa, sim

Para a pesquisa, realizada pela Universidade Carnegie Mellon, nos Estados Unidos, 201 adultos com boa saúde foram colocados em quarentena e expostos ao vírus de um resfriado comum. Após serem monitorados durante cinco dias, os resultados mostraram que os participantes cujos pais se separaram e pararam de se falar eram três vezes mais propensos a adoecer, em comparação àqueles cujos pais se divorciaram, mas mantiveram contato durante o crescimento das crianças.

Outros estudos já haviam revelado que pessoas com pais separados tendem a ter uma saúde mais frágil. “As experiências estressantes no início da vida fazem algo com a nossa fisiologia e processos inflamatórios que aumentam o risco de uma saúde mais fraca e de doenças crônicas”, falou Michael Murphy, doutorando em psicologia na universidade, à AFP.

+ Pesquisa descobre quando os divórcios mais acontecem

“O estudo revelou que o sistema imunológico é um importante portador dos efeitos negativos de conflitos familiares”, acrescentou Sheldon Cohen, coautor do estudo e professor de psicologia.  “Além disso, os divórcios não são todos iguais e a comunicação contínua entre os pais amortece os efeitos prejudiciais da separação nas trajetórias de saúde das crianças”, completou. Outra conclusão do estudo foi de que os filhos adultos de pais que tiveram uma separação amigável eram tão propensos a ficar doentes quanto filhos de pais casados.

Foto: Getty Images