Saúde e Bem-Estar

Dicas para tratar assaduras em bebês

Dicas para tratar assaduras em bebês

As assaduras são um problema difícil de escapar na fase infantil. Essas irritações na pele afetam cerca de 50% dos bebês, causando ardência, dor, coceira, irritação e sensação de queimação. Além disso, o problema é fácil de ser detectado. Quando a criança estiver muito irritada, desconfortável e com grandes áreas de vermelhidão na região da pele, é melhor tomar alguns cuidados extras.

+ Por que o refluxo é tão comum em bebês?

+ Principais cuidados com bebês no inverno

A principal causa das assaduras é a demora na troca de fraldas, uma vez que o aumento da temperatura e umidade na região, em contato prolongado com urina e fezes, geram irritação. O uso de loções, desodorantes e talcos, a diarreia e o uso de antibióticos também são fatores que podem levar a reações na pele.

A melhor maneira de evitar esse desconforto para o bebê é mantendo sua pele sempre limpa e seca. Caso não sejam tratadas corretamente, as assaduras podem evoluir para micoses e outros problemas na pele. Isso acontece porque as bactérias presentes na região promovem a conversão de ureia em amônia e elevam o pH da pele, colaborando para a ocorrência de outras infecções.

“Nos casos mais leves, a pele do bebê é acometida por uma vermelhidão na região do períneo. Nos moderados, há o aparecimento de lesões e vermelhidão, que escamam a pele. Nos graves, os danos são mais acentuados. Em 80% dos casos em que a assadura passa de três dias, o problema já tem fungo associado, o que indica a necessidade de acompanhamento e tratamento junto ao pediatra”, explica Maria José Carvalho Sant’Anna, pediatra e professora da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

Como tratar as assaduras?

Para tratar o problema, deve-se higienizar a área com água morna durante a troca de fraldas. No caso de fezes, o enxágue deve ser abundante. Outra opção é limpar a região com lenço umedecido próprio para recém-nascidos, sem perfume e álcool.

Os cremes de barreira, como os à base óxido de zinco, devem ser utilizados em todas as trocas de fralda para prevenir dermatites e tratar as assaduras. É importante que as medicações tópicas utilizadas não sejam cáusticas, pois podem causar queimaduras, e tenham baixa probabilidade de provocar dermatite no local.

Foto: Getty Images

Saúde e Bem-Estar

Mais em Saúde e Bem-Estar

old woman looking in a window

Depressão na terceira idade: sintomas e tratamento

Mariana Castro27/04/2017
Salt spilling on table from salt cellar

Excesso de sal na comida pode aumentar a sensação de fome, revela pesquisa

Mariana Castro27/04/2017
Iced cola

Refrigerante diet aumenta os riscos de AVC e demência, diz estudo

Mariana Castro25/04/2017
teenager lay on the floor in the room

Uso diário de dispositivos móveis pode prejudicar o sono das crianças, diz estudo

Mariana Castro24/04/2017
Fat on stomach

Mais da metade dos brasileiros está acima do peso, revela pesquisa

Mariana Castro24/04/2017
Friends in the cafe

Álcool compromete o cérebro mesmo sem causar embriaguez, diz pesquisa

Mariana Castro20/04/2017
Girl looking in the mirror

Cinco sinais de que sua pele está envelhecendo rápido

Patricia Machado19/04/2017
Businessman sleeping on the couch

Sonecas deixam as pessoas mais felizes, garante pesquisa

Mariana Castro18/04/2017
Pampering cream

Quatro hábitos que podem prejudicar a pele no inverno

Patricia Machado18/04/2017
Teen woman with headache holding her hand to head

Enxaqueca influencia no desenvolvimento de transtorno de ansiedade, conclui pesquisa

Mariana Castro17/04/2017
Woman doing yoga exercise

Meditar regularmente pode ajudar a reduzir o estresse, diz estudo

Mariana Castro17/04/2017
Portrait of a beautiful little girl with strawberry

Consumir frutas pode reduzir o risco de diabetes, aponta pesquisa

Mariana Castro17/04/2017
Sad little girl

Problema auditivo pode prejudicar o aprendizado das crianças na escola

Mariana Castro11/04/2017
mother teaching daughter to cut vegetables

Mitos e verdades da dieta vegana

Mariana Castro10/04/2017
Mother and daughter

Filhos de mães mais velhas têm menos problemas comportamentais, diz estudo

Mariana Castro07/04/2017