Carência de ferro no organismo pode afetar o desenvolvimento físico e intelectual

Por Redação Apontador em 14/03/2017

Quando você era criança, você deve ter ouvido a sua mãe dizer que era importante comer determinados alimentos porque eles continham ferro. Na época, isso poderia não fazer muito sentido. Mas, ela estava certa. O ferro é responsável por realizar funções básicas que vão desde o funcionamento do coração até uso da memória.

+ Unhas podem indicar doenças e falta de vitaminas

+ Cuidados essenciais na hora de consumir vitaminas

A carência de ferro no organismo pode afetar o desenvolvimento físico e intelectual e causar a anemia. Seus sintomas envolvem cansaço, fadiga, queda de cabelos e enfraquecimento do sistema imunológico, o que o torna mais vulnerável à infecções. A anemia ainda pode causar alterações comportamentais, dificuldade de concentração, perda de memória e até afetar as funções motoras das crianças.

Para reverter esse quadro, é necessário investir em uma alimentação saudável e rica em vitaminas e minerais. Por isso, a recomendação é ingerir legumes, frutas, cereais e carnes de forma equilibrada para manter os níveis adequados de ferro, fósforo, cálcio, zinco e vitaminas. Isso ajuda a prevenir não apenas a anemia como diversas doenças.

+ Síndrome das pernas inquietas causa dor e pode prejudicar a qualidade de sono

Segundo a Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde (PNDS), quase 21% das crianças com menos de cinco anos apresentam quadros de anemia no Brasil. Por isso, exames periódicos e o acompanhamento com pediatra são essenciais para monitorar a saúde dos pequenos. Um exame de sangue simples pode auxiliar no diagnóstico da carência de ferro. Caso seja confirmada a condição, o médico poderá orientar uma dieta rica em alimentos com ferro ou o uso de suplementos minerais.

Foto: Getty Images