Saúde e Bem-Estar

Asma mata ao menos três pessoas por dia no Brasil

Asma mata ao menos três pessoas por dia no Brasil

Dados recentes do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde do Brasil (DATASUS) mostram que três pessoas com idades entre 5 e 64 anos morrem a cada dia por asma, sendo que mais de 50% são da região sudeste, com mais de 2 dois mil óbitos entre 2009 e 2013. As informações são alarmantes visto que essa é uma doença que pode ser controlada.

+ Conheça os benefícios, riscos e indicações de alguns dos principais esportes olímpicos

Ainda de acordo com os dados do Ministério da Saúde, entre 2011 e 2015, mais de 320 mil internações aconteceram por decorrência da asma. Só a região nordeste registrou mais de 160 mil internações nesse período. “Infelizmente, muitas pessoas não reconhecem os sintomas da doença ou não dão a devida atenção quando são diagnosticadas com asma, o que colabora para um tratamento incorreto e, consequentemente, aumenta as possibilidades de crises graves e riscos futuros da doença, tais como perda definitiva de capacidade pulmonar, instabilidade, má qualidade de vida ou até o falecimento”, afirma o pneumologista Mauro Gomes, do Instituto de Pneumologia Paulista.

Uma pesquisa encomendada ao Ibope pela farmacêutica Boehringer Ingelheim do Brasil, sobre o panorama da saúde do brasileiro, indicou dados relevantes que mostram o pouco conhecimento que os pacientes têm sobre a doença. O estudo mapeou uma alta percepção de controle dos indivíduos que disseram ter asma: 91% dos entrevistados percebem sua doença como “controlada”, porém 72% reconhecem consequências da asma nas atividades de rotina simples, como trabalhar. Quando questionados sobre o que gostariam de saber a respeito da doença, 58% dos entrevistados responderam que buscam “dicas sobre como prevenir e controlar a asma”.

+ Ioga ajuda no tratamento de pessoas com asma, descobre pesquisa

“Como a pesquisa mostra, a maioria das pessoas pensa que a doença está controlada mas, ao mesmo tempo, alega que sente os impactos na rotina diária e, por isso, busca dicas de como controlar a asma. Isso demonstra o pouco conhecimento dos pacientes sobre o que é controle da asma”, analisou o pneumologista.

Para mudar este cenário, o Global Initiative for Asthma (GINA), principal órgão internacional que reúne os estudos sobre a doença e elabora diretrizes de tratamento, lançou neste mês uma campanha para o combate às mortes por asma: “A asma mata ao menos três pessoas todos os dias. A mudança está em nossas mãos”.

Como saber se a asma não está controlada?

Segundo o GINA, é possível saber que a asma não está controlada caso a pessoa tenha sentido um dos sintomas listados abaixo pelo menos uma vez nas últimas quatro semanas:

  • Sintomas diurnos mais de duas vezes por semana
  • Qualquer despertar noturno causado pela doença
  • Uso de medicamentos para alívio da falta de ar mais de duas vezes por semana
  • Limitações das atividades cotidianas

Gomes alerta: “Caso tenha se identificado com qualquer um dos itens acima, procure seu médico para entender se seus sintomas realmente não estão controlados e busque o tratamento adequado para melhorar o controle da asma e sua qualidade de vida. É possível prevenir as crises e viver tranquilamente tendo asma, basta identificar a doença e tratá-la adequadamente”.

Mais em Saúde e Bem-Estar

Self-confident brunette looking at reflection

Procedimentos estéticos são alternativa à bichectomia

Patricia Machado20/01/2017
Sad baby in bed

Acupuntura pode ajudar bebês que choram excessivamente, diz pesquisa

Patricia Machado20/01/2017
Green tea

Sete benefícios do chá verde para a saúde

Mariana Castro19/01/2017
unhappy man suffering from backache at home

Casos de pedra nos rins são mais comuns no verão

Patricia Machado19/01/2017
young woman runner running on city bridge road

Exercícios de alta intensidade têm o mesmo efeito que atividades moderadas, diz estudo

Mariana Castro18/01/2017
makeup artist glues false eyelashes

Maquiagem nos olhos pode favorecer o surgimento de terçol

Redação Apontador18/01/2017
bebida alcoolica e aumento de apetite - getty images

Consumir bebida alcoólica aumenta o apetite, comprova estudo

Patricia Machado18/01/2017
Sick

Como diferenciar os sintomas da dengue, zika e chikungunya

Carolina Romanini17/01/2017
Mexican chili con carne in a pan on a wooden

Comida apimentada pode reduzir o risco de morte, aponta pesquisa

Mariana Castro16/01/2017
portrait of happy young business man at office

Levantar durante o trabalho ajuda a queimar calorias, diz estudo

Patricia Machado16/01/2017
Salt spilling on table from salt cellar

Reduzir o consumo de sal poderia salvar milhões de vidas, aponta estudo

Patricia Machado16/01/2017
Feeling sick and tired.

Pesquisa descobre como o estresse aumenta o risco de doenças cardiovasculares

Mariana Castro15/01/2017
Woman meditating in the lotus position closeup

Meditação, Reiki e musicoterapia serão oferecidos pelo SUS

Patricia Machado13/01/2017
medium roast steak

Consumir carne vermelha em excesso pode causar doença intestinal, diz estudo

Mariana Castro13/01/2017
bonecas de proposito - reprodução

Aposentada cria bonecas terapêuticas para confortar crianças internadas

Mariana Castro13/01/2017