5 destinos históricos impressionantes que não estão no roteiro dos turistas

Por Pedro Katchborian em 20/01/2016

Colinas em Machu Picchu, pirâmides do Egito ou o Taj Mahal são paisagens recorrentes no roteiro dos turistas. Os destinos são marcantes pela história e costumam ser boas pedidas, mas já estão manjados.

+ As 10 casas mais desejadas do Airbnb

+ Dicas para viajar sem gastar muito

Se você é do tipo diferentão e curte roteiros desconhecidos, pode aproveitar alguns locais que estão fora da rota da grande maioria dos viajantes. Veja alguns abaixo:

Cueva de Las Manos

Desperte o arqueólogo que há em você na cidade de Santa Cruz, na Argentina. Lá está localizado a Cueva de Las Manos, um sítio arqueológico com pinturas rupestres que datam de — pasmem — 13 mil anos atrás! As paredes com mãos humanas e desenhos de silhuetas animais e humanas foram desenhadas pelos nossos ancestrais e impressionam qualquer amante da história.

cueva-manosfaixa_blog

Petra, Jordânia 

Que tal visitar a capital do Reino Nabateu? Petra, na Jordânia, foi a cidade mais importante desta tribo árabe da antiguidade clássica. O local está cheio de ruínas histórias que são de antes do ano 312 antes de Cristo. Foi nomeada uma das sete novas maravilhas do mundo moderno.

petra-jordan-543450_640faixa_blog

Sítios palafíticos pré-históricos dos Alpes

Estes sítios são vestígios de habitações pré-históricas que se encontram nos lagos e pântanos dos Alpes. Localizados na Alemanha, Áustria, França, Itália, Eslovênia e Suíça, tornaram-se um patrimônio mundial da UNESCO. Esses sítios são o primeiro registro que se tem de construções palafitas — edificações construídas em lagos e que não são arrastadas pela correnteza.

sitios-palafíticos-pre-historicosfaixa_blog

Salamanca, Espanha

Se você vai para Espanha e quer fugir do roteiro Madri-Barcelona, pode conhecer a história cidade de Salamanca. O que chama mais atenção é a arquitetura, que traz elementos renascentistas, góticos e barrocos. Outro destaque é a Universidade de Salamanca: do ano de 1134 (!), ela é a terceira faculdade mais antiga do mundo.

salamanca-573082_640faixa_blog

As minas neolíticas de Spiennes 

A cidade de Spiennes, na Bélgica, guarda a maior e mais antiga concentração de minas antigas da Europa. Imagina-se que a primeira escavação que ajudou a criar esse labirinto de minas ocorreu há 6 mil anos.

minas-neolíticas

Via Mental Floss