Dez dicas para você sobreviver à crise econômica

Por Pedro Katchborian em 14/09/2015

Retração do PIB, rebaixamento da nota de crédito do Brasil, inflação, desemprego… A crise econômica afeta o país de várias maneiras. É hora de cortar gastos e rever algumas atitudes para não passar aperto todo fim do mês. Veja 10 dicas para você sobreviver à crise:

+ Seis atitudes negativas que você precisa eliminar para ser feliz

Anote os seus gastos

Uma dica que você já deve ter ouvido, mas ainda não colocou em prática: anotar absolutamente tudo o que você gasta em uma planilha — ou um app — é uma ótima forma de entender e controlar cada centavo que sai do seu bolso. Só assim será possível compreender quanto do seu salário sai com contas, supermercado, divertimento, e etc. É o primeiro passo para quem quer economizar.

shopping-879498_640faixa_blog

Não vá ao supermercado de barriga vazia

Sabe a expressão “comer com os olhos”? Ela realmente faz todo sentido. Estudos comprovaram que uma ida ao supermercado de barriga vazia sai bem mais caro do que uma ida ao supermercado de barriga cheia. Além disso, comprar de estômago vazio faz com que você tenda a levar mais comidas que não são saudáveis. Da próxima vez que for às compras, certifique de que comeu bastante antes de sair de casa!

supermarket-507295_640faixa_blog

Corte o valor de suas contas

Gastar menos energia e água são algumas atitudes que podem ajudar a juntar uma grana extra no fim do mês. Ou seja: menos TV e um banho mais curto podem fazer a diferença nesse período em que cada centavo conta.

faixa_blog

Faça os seus próprios presentes

Aniversários e datas comemorativas nos colocam em situações difíceis. E é difícil não gastar muito com as pessoas que gostamos. Uma boa opção é fazer você mesmo os presentes. Há algumas ideias interessantes de lembranças que vão custar muito pouco ou quase nada. Além de economizar, o presente será muito mais íntimo do que qualquer outro.

faixa_blog
Que tal chamar os amigos para comer em casa?

Convidar os amigos para visitar a sua casa é outra maneira de economizar. Faça as compras em um supermercado, divida o valor final por todos e gaste bem menos do que ir a um bar ou restaurante.

faixa_blog

Cozinhe em casa

Jantar ou almoçar fora não sai nada barato. Com os milhares de tutoriais no YouTube, não existe mais a desculpa de “não sei cozinhar”. É possível aprender a preparar vários pratos e ainda fazer uma sobremesa incrível. É hora de colocar a mão na massa!

food-712665_640faixa_blog

Compare preços

Às vezes o comodismo faz com que prefiramos o mercado mais perto ao invés do mais barato. O mesmo vale para postos de gasolina, por exemplo. Garimpar um pouco pode fazer uma grande diferença no sua renda ao final do mês.

tomatoes-418203_640faixa_blog

Corte hábitos caros

Tenha a crise como incentivo para parar com hábitos extremamente caros e prejudiciais à saúde, como o cigarro. Segundo o Ibope, os gastos com esse vício comprometem mais de 37% da renda da classe C. Os números podem ser piores considerando que o preço do cigarro deve subir nos próximos meses.

faixa_blog

Esqueça o cartão de crédito

O cartão de crédito faz com que muitas pessoas percam o controle dos seus gastos. Isso sem falar das taxas abusivas dos bancos. Evite usá-lo!

money-256319_640faixa_blog

Venda roupas, acessórios e eletrônicos em bom estado

Ao invés de jogar fora, você pode anunciar roupas, acessórios e eletrônicos em bom estado em sites de venda. Com certeza existe algum aparelho de TV ou camiseta que você não usa mais. Essa é uma fonte de renda que pode ajudar no final do mês.

dresses-816033_640